07h00 - quarta, 27/09/2017

Cinco candidatos
à Câmara de Sines

Cinco candidatos à Câmara de Sines

A "corrida" à Câmara Municipal de Sines em 2017 é uma das mais concorridas de sempre, com cinco candidatos à presidência da autarquia. O PS vai tentar manter a liderança no município que conquistou há quatro anos, com quase 52% dos votos, mas a 1 de Outubro vai ter a oposição nas urnas de CDU, Bloco de Esquerda, CDS-PP e do movimento independente SIM – Sines Interessa Mais.
De forma a garantir um segundo mandato em Sines o PS volta a apostar no economista Nuno Mascarenhas. O actual presidente da Câmara Municipal traça como metas para os próximos quatro anos o crescimento económico, a criação de emprego, a competitividade e a internacionalização do tecido empresarial local.
"Para isso vamos criar e dinamizar o Gabinete de Apoio ao Empresário, dando toda a informação àqueles que queiram investir no concelho ou criar o próprio emprego. E vamos prosseguir com a intervenção de reabilitação dos espaços das zonas industriais", promete Nuno Mascarenhas, que pretende igualmente reforçar o trabalho do Município na Acção Social, Cultura, Juventude, Desporto e Reabilitação Urbana.
Em 2013 a segunda força política mais votada em Sines foi o SIM, que aposta no antigo vereador José Ferreira da Costa. O cabeça-de-lista traça como prioridade as obras de proximidade, uma vez que, na sua opinião, "o SIM, no mandato que dirigiu a Câmara, fez os grandes projectos que Sines precisava".
É nesse sentido que Ferreira da Costa quer, nos próximos anos, trabalhar para "mudar a imagem da cidade". Queremos "fazer com que as pessoas gostem mais da sua cidade e gostem mais de Sines. E que quem nos visite ache Sines uma cidade bonita", diz.
Já a CDU volta a candidatar o actual vereador Hélder Guerreiro, que não tem dúvidas: "Sines tem de ser devolvida aos cidadãos". "Vamos dar a palavra aos sinienses e com eles fazer uma nova cidade", afiança o candidato comunista, que tem como "bandeiras eleitorais", entre outros projectos, a reabertura do parque de campismo e a criação de loteamentos para jovens.
A bonificação em direito de superfície para as empresas que criarem postos de trabalho permanentes e a criação de um site para o ambiente em Sines, "onde a população possa participar activamente", são outras das propostas da candidatura da CDU em Sines.
Ainda à esquerda, o Bloco de Esquerda candidata Vítor Pereira, actual comandante dos bombeiros locais, que se propõe a melhorar a qualidade dos serviços de transporte urbano, a regular e melhorar o trânsito e sinalização da cidade e a implementar um orçamento participativo. Tornar público o estado das finanças da autarquia, exercer "um controlo apertado" aos limites de emissões poluentes por parte das empresas e dinamizar a avenida Vasco da Gama, através de espaços para comércio ambulante e implantação de esplanadas, são outras das ideias da candidatura bloquista.
Finalmente, a coligação "Unidos pelos Sinienses", que junta o CDS-PP ao MPT e ao PPM, aposta em Paulo Freitas. O candidato da direita defende, entre outras propostas, a construção de um canil/gatil para a cidade e a requalificação das vias, assim como um novo quartel para a GNR, a reabertura do Parque de Campismo e a reconstrução da Pousada da Juventude de Sines.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quarta, 18/10/2017
Misericórdia de Sines
com tele-assistência
A Santa Casa da Misericórdia de Sines (SCMS) e a REN vão estabelecer uma parceria no sentido de dinamizar um serviço de tele-assistência gratuito para os idosos do concelho, que irá funcionar 24 horas por dia.
07h00 - terça, 17/10/2017
Verdes questionam
sobre incêndio em Sines
O grupo parlamentar de "Os Verdes" questionou na Assembleia da República o ministro do Ambiente obre as consequências para a população de Sines do incêndio na Recipneu–Empresa Nacional de Reciclagem de Pneus, a 11 de Outubro.
00h00 - segunda, 16/10/2017
Programa de educação
ambiental em Sines
A Câmara de Sines, através do seu Serviço de Ambiente e Conservação da Natureza, vai promover ao longo deste ano lectivo 2017-2018 um conjunto de actividades relacionadas com o meio-ambiente.
00h00 - sábado, 14/10/2017
Tomada de posse dos
novos eleitos em Sines
O auditório do Centro de Artes de Sines recebe neste sábado, 14 de Outubro, pelas 11h00, a cerimónia de instalação e tomada de posse dos novos eleitos na Câmara e Assembleia Municipal de Sines.
00h00 - sexta, 13/10/2017
Futuro da logística
debatido em Sines
"Logística e Cadeias de Abastecimento: Nova Era, Novos Desafios" foi o tema da conferência que decorreu na quarta-feira, 11, no Centro de Negócios da Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS).

Data: 06/10/2017
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial