00h00 - sábado, 03/02/2018

Projecto "GiraMundo"
quer integrar migrantes

Projecto "GiraMundo" quer integrar migrantes

Promover a integração dos residentes estrangeiros que vivam no concelho de Odemira através das expressões culturais, artísticas e desportivas e dar a conhecer o território onde agora vivem são os grandes objectivos do "GiraMundo".
O projecto é dinamizado pela TAIPA – Organização Cooperativa para o Desenvolvimento Integrado do Concelho de Odemira e arranca já neste sábado, 3, com uma viagem "à descoberta" da freguesia de São Luís.
"O 'GiraMundo' é um projecto de intervenção comunitária que promove a integração dos migrantes a residir, estudar ou a trabalhar no concelho de Odemira. O conceito 'GiraMundo' prende-se pelo movimento do mundo dentro de Odemira e Odemira a envolver-se neste crescimento de interacções interculturais", explica ao "SW" Teresa Barradas, da TAIPA.
De acordo com esta responsável, o projecto destina-se aos cidadãos de países terceiros, nomeadamente Bangladesh, Brasil, Índia, Nepal e Ucrânia, que residam no concelho, tendo como mais-valia promover "o relacionamento entre os migrantes e a comunidade local através da arte e cultura e desporto".
Teresa Barradas explica que o "GiraMundo" nasceu das "reflexões" e do "trabalho" que tem vindo a ser realizado no Centro Local de Apoio à Integração de Migrantes (CLAIM) de Odemira, onde o objectivo é "criar pontes e melhorar o conhecimento na promoção de bem-estar dos migrantes e da comunidade em geral face a esta temática".
Nesse sentido, revela, o projecto vai apostar, por um lado, em viagens "à descoberta" do concelho e, por outro lado, nos ateliers "Integrar pela Arte". "A par desta vertente, o 'GiraMundo' também tem uma componente informativa e utiliza diferentes métodos para dar a conhecer às pessoas que cá chegam as regras, direitos e deveres do que é viver em Portugal", acrescenta.
O projecto é financiado pelo Fundo para o Asilo, a Migração e Integração (FAMI) e pelas empresas Lusomorango, Maravilha Farm's, Haygrove e Sudoberry, todas com actividade no concelho. Ligados ao "GiraMundo", como parceiros formais, estão igualmente o Município de Odemira, o Agrupamento de Escolas de São Teotónio, a Sociedade Recreativa S. Teotoniense, a associação desportiva Cautchú, o Grupo Desportivo Renascente de São Teotónio e a Junta de Freguesia de São Teotónio.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quarta, 14/02/2018
CM Alcácer delega
competências nas juntas
A Câmara Municipal de Alcácer do Sal assinou nesta semana os acordos de execução e os contratos inter-administrativos com as quatro juntas de freguesia do concelho, no valor total de cerca de 300 mil euros.
00h00 - domingo, 11/02/2018
Câmara de Alcácer
apoia deslocações
ao Banco Alimentar
A Câmara de Alcácer do Sal vai disponibilizar mensalmente uma carrinha para as deslocações às instalações do Banco Alimentar (BA), em Vila Nova de Santo André, para recolha de bens alimentares para três instituições do concelho.
00h00 - sexta, 09/02/2018
Centro de Arqueologia
Náutica em Alcácer
Explorar o património cultural sub-aquático do rio Sado é o grande objectivo do futuro Centro de Arqueologia Náutica do Alentejo Litoral (CANAL), que ficará instalado em Alcácer do Sal.
07h01 - quinta, 01/02/2018
Autarca de Alcácer
no Conselho Consultivo
da Comarca de Setúbal
O presidente da Câmara de Alcácer do Sal vai integrar o Conselho Consultivo da Comarca de Setúbal, tendo sdo convidado para o cargo por Manuel Sequeira, juiz-presidente da Comarca de Setúbal.
07h00 - quinta, 25/01/2018
Obras avançam na
albufeira do Pego do Altar
A albufeira do Pego do Altar, no concelho de Alcácer do Sal, está entre as oito barragens onde o Governo vai investir cerca de 3,5 milhões de euros num programa de intervenções para aumentar a capacidade de armazenamento destas e melhorar a qualidade da água aí existente.

Data: 16/02/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial