07h00 - terça, 27/02/2018

Odemira define metas
no combate aos incêndios

Odemira define metas no combate aos incêndios

Estão definidas as prioridades da Comissão Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios (CMDFCI) de Odemira para o presente ano, tendo em conta a necessidade de prevenir incêndios no território do concelho. A estratégia foi delineada durante a recente reunião da comissão, onde ficou registada a preocupação com a dimensão dos trabalhos de limpeza de terrenos a executar até 15 de Março, que são imposição legal, dada a vasta área do concelho de Odemira, num total de 1721 km2.
"Consciente da extrema dificuldade de se concretizar a limpeza de terrenos num curto espaço de tempo, a CMDFCI estabeleceu prioridades de intervenção em termos territoriais, contactar com fornecedores de serviços florestais e candidatar-se a uma segunda equipa de sapadores florestais. Outro ponto-chave será a aposta em acções de sensibilização a realizar em todas as freguesias durante os meses de Fevereiro e Março, em colaboração com a GNR e Bombeiros Voluntários", revela fonte municipal ao "SW".
De acordo com a mesma fonte, a Câmara de Odemira "procedeu ao levantamento em Sistema de Informação Geográfica (SIG) de todos os perímetros urbanos e aglomerados rurais, cruzando com o cadastro, concluindo-se que será necessária a criação de uma faixa de proteção de 100 metros para 28 perímetros urbanos, o que equivale à limpeza de 2230 hectares, pertencentes a 1745 artigos rústicos".
"No que respeita à criação de uma faixa de proteção de 50 metros, nos 106 aglomerados rurais foram identificados 1415 hectares pertencentes a 1987 artigos rústicos. A Câmara Municipal é também responsável pela gestão de combustíveis de 531,26 km de rede viária municipal", acrescenta a autarquia.
Recorde-se que a Câmara de Odemira dispõe do Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios, aprovado pela CMDFCI em Abril de 2015, tendo sido enviado para aprovação do ICNF em Maio de 2015 e aprovado por esse organismo em Outubro de 2017.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
00h00 - segunda, 18/06/2018
Estrada Faleiros-Lousal
vai ser requalificada
Os autarcas de Grândola e de Santiago Cacém assinaram no final da passada semana um acordo com vista à requalificação do troço da estrada que faz a ligação entre a localidade de Faleiros, no concelho de Santiago do Cacém, e a aldeia mineira do Lousal (Grândola).
07h00 - segunda, 11/06/2018
PCP reuniu com autarcas
do Alentejo Litoral
Saúde, Educação e acessibilidades rodoviárias e ferroviárias foram os temas que estiveram sobre a mesa durante a reunião que o grupo parlamentar do PCP manteve na passada semana com os autarcas do Alentejo Litoral.
07h00 - sexta, 08/06/2018
Jornadas do PCP
terminam em Grândola
O secretário-geral do PCP defendeu nesta quinta-feira, 7, em Alcácer do Sal, que Portugal "precisa de concretizar uma política alternativa que inverta o progressivo agravamento dos problemas económicos e sociais".
07h00 - sexta, 08/06/2018
Economia a crecer
no Alentejo Litoral
O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, elogiou na passada terça-feira, 5, o dinamismo económico que o Alentejo Litoral está a registar, nomeadamente nos sectores da agricultura e do turismo.
07h00 - terça, 05/06/2018
Ministro da Economia reúne
com Conselho Estratégico da CIMAL
O ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, participa nesta terça-feira, 5 de Junho, numa reunião do Conselho Estratégico para o Desenvolvimento Intermunicipal, órgão consultivo da Comunidade Intermunicipal do Alentejo Litoral (CIMAL).

Data: 08/06/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial