00h00 - sexta, 11/05/2018

População de São Luís exige obras na EN 120

População de São Luís exige obras na EN 120

A população de São Luís, no concelho de Odemira, "espera e desespera" por obras na Estrada Nacional (EN) 120, que liga a freguesia de São Luís a Odemira, sede de concelho. A via é muito utilizada pelas populações de Cercal do Alentejo, São Luís e Odemira, que exigem uma solução rápida para os estragos, que se estendem por 20 quilómetros e que constituem um risco para utentes e viaturas.
O presidente da Junta de Freguesia de São Luís explica que a situação se arrasta há vários anos. "Nos últimos anos temos assistido a uma degradação do troço entre São Luís e Odemira, que não tem qualquer manutenção, o que é uma falta de respeito por quem aqui vive, trabalha e por quem nos visita", diz Fernando Parreira.
"Tanto a população individualmente como as autarquias têm alertado a Infra-estruturas de Portugal para esta situação, mas não temos tido qualquer resposta. É o abandono total desta via por parte de quem tem a obrigação de proceder à sua reparação", acrescenta o autarca eleito pelo PS.
Núria Oliveira, que utiliza a estrada todos os dias, diz que o troço " está cada vez pior". "É um perigo constante: desviamo-nos de um buraco e caímos logo noutro", observa.
António Silva, que também é utilizador da EN120, acrescenta que já sofreu dois furos em pneus e que foi obrigado a mudar os amortecedores da viatura devido ao piso. "É inadmissível, porque pagamos impostos e ninguém faz nada para a resolver, isto piora de dia para dia", sublinha.
A Estrada Nacional 120 liga as cidades de Alcácer do Sal, no distrito de Setúbal, a Lagos, no Algarve, num percurso superior a 170 quilómetros, atravessando vários concelhos do Sudoeste Alentejano.
Tanto a Junta de Freguesia de São Luís como a Câmara Municipal de Odemira têm alertado a Infra-estruturas de Portugal para esta situação, mas não têm recebido qualquer resposta.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quinta, 11/10/2018
Escola de Sines
tem Bandeira Verde
A Escola Vasco da Gama, de Sines, foi distinguida pelo segundo ano consecutivo com a Bandeira Verde Eco-Escolas, que premeia o bom trabalho realizado pelo estabelecimento em prol do ambiente e da sustentabilidade.
07h00 - quarta, 10/10/2018
Câmara de Sines diminui
taxa de IRS em 2019
Os habitantes do concelho de Sines vão pagar menos IRS em 2019, depois da Câmara e a Assembleia Municipal terem aprovado a redução da taxa de participação da autarquia neste imposto de 4,5% para 4,4%.
07h00 - terça, 09/10/2018
Câmara de Sines promove
"Mês Sénior" ao longo de Outubro
O mês de Outubro em Sines vai ser inteiramente dedicado à Terceira Idade, através da iniciativa "Mês Sénior", promovida até ao dia 26 de Outubro pela Câmara Municipal local no sentido de fomentar o envelhecimento activo da sua população com mais de 55 anos.
07h00 - quarta, 03/10/2018
Protocolo entre Porto
de Sines e Canal do Suez
A Administração do Porto de Sines (APS) assinou um memorando de entendimento com a Zona Económica do Canal do Suez (Egipto), no sentido de serem estreitadas "as relações entre duas inter-faces logísticas e portuárias de dimensão global".
16h00 - quinta, 27/09/2018
Ruas de Sines
"cheias" de arte
Sensibilizar os sinienses (e todos os visitantes) para "um novo olhar sobre a cidade, através de uma diversidade de propostas artísticas com carácter contemporâneo", é a grande da segunda edição da MAR-Mostra de Artes de Rua de Sines.

Data: 19/10/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial