07h00 - sexta, 08/06/2018

Jornadas do PCP
terminam em Grândola

Jornadas do PCP terminam em Grândola

O secretário-geral do PCP defendeu nesta quinta-feira, 7, em Alcácer do Sal, que Portugal "precisa de concretizar uma política alternativa que inverta o progressivo agravamento dos problemas económicos e sociais".
"Portugal precisa de uma política em ruptura com as receitas e caminhos que afundaram o país e com uma visão e objectivos opostos aos que conduziram Portugal ao declínio e arruinaram uma larga parte do território nacional", afirmou Jerónimo de Sousa no arranque das Jornadas Parlamentares do PCP, que decorrem no Alentejo Litoral.
A iniciativa termina nesta sexta-feira, 8, sendo que o dia começa com os deputados a visitarem e reunirem com responsáveis na refinaria da Petrogal em Sines, no porto de pesca de Sines, na Escola Secundária Padre António Macedo (Vila Nova de Santo André), nos Bombeiros de Grândola e nas ruinas de Miróbriga (Santiago do Cacém).
A partir das 11h00 arranca a reunião, privada, do grupo parlamentar comunista no cine-teatro Grandolense, em Grândola, que às 16h00 recebe a conferência de omprensa para apresentação das conclusões.


Notícias Relacionadas

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

Data: 22/06/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial