07h00 - sábado, 04/08/2018

Festival Sudoeste leva
"enchente" à Zambujeira

Festival Sudoeste leva "enchente" à Zambujeira

A Herdade da Casa Branca, na Zambujeira do Mar, Odemira, está a preparar-se para receber o Festival Meo Sudoeste 2018, que vai decorrer de terça-feira a sábado, dias 7 a 11 de Agosto. Mas já neste sábado, 4, começam a chegar muitos dos jovens "festivaleiros", que ficarão na zona de campismo, preparada para receber milhares de pessoas.
No ano em que o festival assinala 21 anos de existência, a aposta vai para uma ainda maior atenção às zonas de estar e lazer, com um forte reforço a nível tecnológico e de infra-estruturas, bem como a momentos de programação diferentes, desenhados para animar as tardes do campismo até à abertura do recinto.
Os destaques do cartaz do Meo Sudoeste 2018 são Shawn Mendes, que chega com novo álbum para apresentar, e J Balvin, Lil Pump e Jason Derulo, que se estreiam em Portugal. Os fãs da música electrónica aguardam com expectativa as atuações de Don Diablo, Desiigner, Hardwell e Marshmello e a música nacional estará bem representada com concertos como os de Diogo Piçarra ou Mundo Segundo & Sam The Kid, que prometem levar ao rubro o público do MEO Sudoeste.
Com a programação no recinto a terminar na noite de sábado, 11 de Agosto, os festivaleiros terão o dia de domingo, 12, para tranquilamente se despedirem da melhor semana de férias de sempre, podendo deixar o campismo até às 20h00.
Para um maior conforto dos festivaleiros que ficam no recinto, a organização disponibiliza uma cozinha comunitária, máquinas de lavar e secar roupa, uma zona de restauração e de duches.
A zona de alimentação foi uma das áreas em que a organização apostou este ano, e que agora poderá ser encontrada logo à entrada do recinto. Também a zona de alimentação na área do campismo foi melhorada, de modo a que os festivaleiros se sintam cada vez mais em casa.
Com a consciência de que todas as áreas do festival são importantes, também o Espaço Criança da Santa Casa estará este ano localizado numa zona de melhor acesso logo à entrada do recinto. E os Palcos LG by Mega Hits e MOCHE Ring também surgem nesta edição do Meo Sudoeste em zonas mais delineadas, de modo a terem uma estrutura mais orgânica no festival e mais confortável para o público.
A Vila Santa Casa este ano tem nova localização e aposta na programação musical, envolvendo a comunidade local e os festivaleiros, e que vão ter curadoria de Capicua, Francisco Rebelo e XEG. Vai ainda haver workshops pela Escola de Música Tradicional de Odemira, com Marco Vieira a desenvolver oficinas de viola campaniça, cavaquinho, percussões e cante e Gonçalo Condeixa, artista plástico, oficinas sob o mote "A Forma do Som".
A segurança é uma preocupação da organização, que construiu no local "um quartel para os bombeiros de Odemira, um para a GNR e um pequeno hospital".


Notícias Relacionadas

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h01 - segunda, 15/10/2018
Actividades para idosos
em Alcácer do Sal
A Câmara de Alcácer do Sal já tem em funcionamento mais uma edição do seu Programa de Exercício Físico e Saúde e de Hidroterapia, destinado à população idosa (reformados) e casos especiais por indicação médica do concelho.
07h00 - sexta, 12/10/2018
Câmara de Alcácer apoia
Bombeiros do Torrão
A Câmara de Alcácer do Sal aprovou, por unanimidade, um apoio financeiro na ordem dos 21678 euros para as obras de ampliação do quartel dos Bombeiros Mistos do Torrão, que devem terminar já no próximo mês de Novembro.
07h01 - quarta, 10/10/2018
Detidos pela GNR
em Alcácer do Sal
por caça ilegal
A GNR de Alcácer do Sal deteve no final da passada semana, a 5 de Outubro, dois homens, um de 24 anos e outro de 39, pela prática de caça ilegal numa herdade situada no concelho.
07h00 - segunda, 08/10/2018
CM Alcácer cria app
para espaços públicos
Permitir ao cidadão ser "parte activa" na resolução de pequenos problemas detectados no espaço público é o objectivo da Câmara de Alcácer do Sal com a nova aplicação "Alcácer @tenta".
07h01 - terça, 02/10/2018
Alcácer do Sal mantém
IMI no valor mais baixo
A Câmara de Alcácer do Sal vai manter o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) no seu valor mais baixo, de 0,3% para os prédios urbanos, em 2019, depois da proposta ter sido aprovada por unanimidade pela Assembleia Municipal.

Data: 19/10/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial