07h00 - sábado, 06/10/2018

JS de Odemira
tem nova presidente

JS de Odemira tem nova presidente

Numa época em que são cada vez mais os jovens distantes da política, a nova presidente da Juventude Socialista (JS) de Odemira pretende "reintegrar os jovens na vida política" através da criação de "novas dinâmicas de participação". Diana Nogueira, de 19 anos e estudante universitária, toma posse como presidente da Concelhia de Odemira da JS neste sábado, 6 de Outubro, e em declarações ao "SW" assume que entre as prioridades para o seu mandato vai estar, "de uma forma simplificada, reintegrar os jovens na vida política".
"A verdade é que, ao longo dos anos, os jovens foram-se afastando da política. Contudo, não somos nada mais nada menos do que o rosto de amanhã do concelho! É um facto que os jovens participam em campanhas eleitorais e integram listas, mas falta sermos ouvidos, falta sermos chamados a participar e falta que a nossa opinião seja ouvida. Para tal, torna-se necessário, com o tempo, tentar criar novas dinâmicas de participação", argumenta a jovem socialista.
Diana Nogueira assume a liderança da JS em Odemira incentivada "por um conjunto de jovens pertencentes" a esta estrutura e depois de, em 2017, ter estado ligada à lista do PS no concelho nas eleições Autárquicas.
"O gosto pelo desempenho de um papel deste tipo foi crescendo ao longo do tempo, desde ter liderado projectos na Escola Secundária de Odemira no âmbito de diferentes áreas ao desempenho do papel de mandatária jovem do PS nas Autárquicas de 2017", nota Diana Nogueira, para logo acrescentar: "Dado o facto de ter um grande interesse pelo aquilo que é a cidadania activa, aceitei o desafio de muito bom grado".
Na opinião de Diana Nogueira, os jovens fazem falta à política, até porque eles são "uma completa 'força da natureza', a visão optimista, a visão abrangente e sonhadora". "E é esse mesmo tipo de visão que o concelho precisa para crescer", acrescenta a nova líder da JS, lamentando que "o desempenho do papel político por parte dos jovens esteja a ser perdido", não só no concelho "mas na sociedade em geral". "Não pela falta de gosto ou interesse, mas pelo facto de sentirmos que não somos ouvidos", vinca.
Por isso, Diana Nogueira reitera que os jovens "têm um grande papel a desempenhar nesta parte da sociedade". "Só temos de conseguir arranjar uma forma de sermos ouvidos e de termos oportunidade de pôr em prática todas as ideias que temos", conclui.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 16/10/2018
Santiago contra
dejectos animais
A Câmara de Santiago do Cacém e as oito juntas de freguesia do concelho estão a indamizar uma campanha de sensibilização destinada aos detentores de animais visando a higiene dos espaços públicos.
07h00 - domingo, 07/10/2018
"Ultimate Obstacle
Challenge" em Santiago
A associação Os Chaparros BTT Team promove neste domingo, 7, a "Ultimate Obstacle Challenge", que vai decorrer em Santiago do Cacém e desafiar os participantes a oito quilómetros com 25 obstáculos para "os mais duros".
07h00 - quinta, 04/10/2018
Faltam 21 enfermeiros
nas Urgências do HLA
A Ordem dos Enfermeiros escreveu ao ministro da Saúde a denunciar a "grave carência" de enfermeiros no Serviço de Urgência do Hospital do Litoral Alentejano, em Santiago do Cacém, onde há 21 profissionais em falta.
07h00 - sábado, 29/09/2018
Centenário de fonte
e lavadouro em Alvalade
A Junta de Freguesia de Alvalade-Sado, no concelho de Santiago do Cacém, assinala neste sábado, 29 de Setembro, o centenário da fonte e lavadouro da Bica, construídos pelos Caminhos-de-Ferro de Portugal em 1918.
07h00 - sexta, 21/09/2018
Debate sobre o SNS
em Santiago do Cacém
As Comissões de Utentes do Litoral Alentejano promovem esta sexta-feira, 21 de Setembro, em Santiago do Cacém, um debate, por forma a assinalar os 39 anos da criação do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Data: 19/10/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial