07h00 - quarta, 10/10/2018

Escolas de Odemira
e Sabóia "campeãs"
da reciclagem

Escolas de Odemira e Sabóia "campeãs" da reciclagem

A Escola Básica nº 1 (EB1) de Sabóia e a Escola Básica (EB) 2,3 Damião de Odemira, de Odemira, são verdadeiras "campeãs" da reciclagem.
Os dois estabelecimentos de ensino do concelho de Odemira participaram ao longo de 2017-2018, juntamente com mais de 900 escolas de todo o país, na 10ª edição da iniciativa "Geração Depositrão" e chegaram ao final do ano lectivo no topo dos rankings de recolha de resíduos de equipamentos eléctricos e electrónicos (REEE) e de pilhas e acumuladores (RP&A) para reciclagem.
A EB1 de Sabóia foi mesmo a escola que em todo o país recolheu mais resíduos ao longo do ano lectivo, num total de 25.198 quilos. Três lugares abaixo ficou a EB 2,3 Damião de Odemira, com 12.320 quilos de resíduos enviados para reciclar.
Já no ranking do peso total por aluno considerando todos os resíduos encaminhados para reciclagem a EB1 de Sabóia surge na segunda posição, com 419,97 quilos por criança.
O estabelecimento de ensino de Sabóia chegou também ao final do último ano lectivo como a escola do distrito de Beja que mais REEE e RP&A recolheu ao longo de 2017-2018.
A "Geração Depositrão" é uma iniciativa de cariz ambiental dinamizada em todo o país pela ERP Portugal, em parceria com a ABAE – Associação Bandeira Azul da Europa e com o apoio das marcas LG, Pingo Doce e Worten.
Em 2017-2018 participaram no projecto mais de 900 escolas e entidades de Portugal, num total de 420 mil alunos e 45 mil professores, que recolheram mais de 460 toneladas de resíduos electrónicos e pilhas em fim de vida, mais 11% face ao ano lectivo anterior.
"O compromisso assinado pelas escolas e entidades que participaram é motivo de orgulho e satisfação, pois a recolha destes resíduos, muitos deles perigosos, tem sido uma causa defendida por todos e abraçada com muita energia e dedicação. A 'Geração Depositrão' continuará a estimular e educar os cidadãos para a adopção de boas práticas", sublinha ao "SW" a responsável de comunicação da ERP Portugal, Filipa Moita.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 19/10/2018
Trabalho desde 2014 na integração de migrantes
Foi em 2014 que a Câmara de Odemira começou a trabalhar a problemática da chegada de muitos migrantes ao concelho, o que acabou por resultar na implementação, um ano depois, do "Odemira Integra".
07h00 - sexta, 19/10/2018
Odemira aposta na
integração de migrantes
Os números são elucidativos: no final do último ano 18,8% da população residente no concelho de Odemira era migrante legalizada, num total de 4912 habitantes de 68 nacionalidades (na maioria da Ásia), o que constitui 57,8% dos migrantes registados em todo o distrito de Beja.
07h00 - sexta, 19/10/2018
Mais três sessões de apresentação do livro
Depois de ter sido apresentado na Biblioteca Municipal José Saramago, em Odemira, no passado dia 12 de Outubro, a ADMIRA promove até final do mês mais três sessões de divulgação do livro Mundos no País da Maravilha.
07h00 - sexta, 19/10/2018
"Odemira atravessa
o grande desafio da
interculturalidade"
Mundos no País da Maravilha é um livro que conta as histórias de pessoas de 18 nacionalidades que vivem (e trabalham) no concelho de Odemira, numa obra editada pela ADMIRA, associação que venceu o prémio social "Maravilha Farms 2017".
07h00 - sexta, 19/10/2018
Futsal feminino
do Odemirense
faz história
A equipa de futsal feminino do Odemirense continua a fazer história na modalidade no distrito de Beja, tendo garantido, no último sábado, 13, uma inédita passagem à segunda eliminatória da Taça de Portugal na modalidade depois de derrotar, em Paço de Arcos, a equipa do Nova Morada por 4-5.

Data: 19/10/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial