07h00 - segunda, 03/12/2018

Bombeiros de Milfontes
criam nova equipa EIP

Bombeiros de Milfontes criam nova equipa EIP

Os Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Milfontes (BVM) vão passar a contar com uma Equipa de Intervenção Permanente (EIP), com cinco elementos e que dará resposta numa primeira instância a todo o tipo de ocorrências. A criação da nova equipa deve ser concretizada em 2019, depois da proposta apresentada pela corporação ter sido recentemente aprovada pela Autoridade Nacional da Protecção Civil (ANPC) e pela Câmara de Odemira.
"É uma mais-valia, porque são mais cinco elementos que nos poderão ajudar no dia-a-dia, até porque temos sempre dificuldades com o pessoal, que é pouco", assume ao "SW" o presidente da Vida por Vida-Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Milfontes.
De acordo com António Pereira, a associação terá primeiro de assinar o protocolo de colaboração com a ANPC e o Município de Odemira, que suportarão na totalidade (50% cada) as despesas com vencimentos e subsídios dos elementos da EIP. Só depois os BVM poderão lançar o concurso para a contratação dos cinco novos elementos.
"Esperemos que corra tudo bem", afirma António Pereira, ciente que a nova EIP irá beneficiar toda a região. "Também poderemos ajudar os nossos vizinhos de Odemira ou do Cercal do Alentejo", sublinha.
Quem fica igualmente satisfeita com a criação da EIP é a comandante dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Milfontes. "A mais-valia [desta equipa] é assegurar tudo o que é emergência numa primeira linha. E depois são mais cinco pessoas quartel! É um benefício para todo o concelho de Odemira e não apenas para a freguesia de Vila Nova de Milfontes. Daí esta luta para termos uma EIP no nosso quartel", observa Maria João Guerreiro.
A comandante da corporação de Vila Nova de Milfontes explica ainda que uma EIP conta com cinco elementos (um chefe de equipa, um motorista com carta de pesados e mais três operacionais), que actuam "em primeira linha em tudo o que é considerado emergência".
"Imagine-se um incêndio ou um acidente: esta equipa está pronta a sair e vai de imediato para o local, onde faz uma primeira intervenção. Assim que chegam outras equipas, regressa ao quartel", esclarece Maria João Guerreiro.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
11h40 - sexta, 15/02/2019
Quatro bombeiros de Odemira
ficaram feridos em acidente
O capotamento da viatura em que seguiam provocou ferimentos ligeiros a quatro bombeiros de Odemira na tarde desta quinta-feira, 14 de Fevereiro.
07h00 - sexta, 15/02/2019
Igualdade ensinada nas escolas de Odemira
"O que é ser homem e ser mulher? E será que os brinquedos têm género?": estas foram algumas das reflexões feitas ao longo dos últimos meses nas salas de aula do pré-escolar no concelho de Odemira, no âmbito do projecto "Biblioteca Itinerante IG0+", da TAIPA.
07h00 - sexta, 15/02/2019
TAIPA quer "lançar sementes"
Na opinião da vice-presidente da TAIPA, são projectos como o "IG0+" que promovem "um despertar de consciências".
07h00 - sexta, 15/02/2019
Milfontes campeão
do Alentejo de voleibol
em Iniciados Femininos
Lágrimas nos olhos, sorrisos estampados no rosto e muitos saltos de alegria: assim foi a festa da equipa feminina de voleibol do Praia de Milfontes, que no último sábado, 9, garantiu o título regional do Alentejo e Algarve na categoria de Iniciados.
07h00 - sexta, 15/02/2019
PSD vai a votos
e quer crescer no
concelho de Odemira
Reforçar o "peso" do PSD no concelho de Odemira é a grande meta definida por Luís Bernardo Freitas, que se recandidata à liderança da Concelhia laranja.

Data: 15/02/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial