07h00 - sexta, 11/10/2019

Câmara de Odemira diminui
taxa de participação no IRS

Câmara de Odemira diminui taxa de participação no IRS

A Câmara Municipal de Odemira vai diminuir a sua taxa de participação no IRS nos munícipes no próximo ano de 2020, com esta a baixar de 4,50% para 4,25%, anunciou a autarquia. A fixação da participação variável no rendimento das pessoas singulares (IRS),assim como as taxas a cobrar de IMI, Derrama e Direitos de Passagem fazem parte do pacote de medidas de âmbito fiscal já aprovadas em reunião de Câmara e pela Assembleia Municipal.
No caso da taxa variável de participação no IRS, será de 4,25% em 2020 (foi de 4,5% neste ano), "uma medida que se reflectirá directamente no orçamento das famílias, uma vez que o Município passa a prescindir de 0,75% da participação que lhe é devida (5%), revertendo a mesma a favor do sujeito passivo", frisa a autarquia odemirense em comunicado.
Relativamente ao IMI, em 2020 as taxas a vigorar serão de 0,33% para os prédios urbanos, "com reduções para agregados familiares em função do número de dependentes": 20 euros, 40 euros e 70 euros, conforme um, dois, três ou mais dependentes.
Por oposição, "a taxa de IMI é majorada para o dobro nos prédios urbanos devolutos há mais de um ano e agravada para o triplo nos prédios em ruínas". "E é aplicada a isenção de 10% aos prédios urbanos classificados com eficiência energética de classe A ou A+", acrescenta o Municipio.
No caso da Derrama, esta não será lançada às pequenas empresas com sede no concelho "com volume de negócios até aos 150 mil euros". Já as empresas com volume de negócios superior estarão sujeitas "a uma taxa de 1% sobre o lucro tributável sujeito e não isento de Imposto sobre o Rendimento das Pessoas Colectivas".
Finalmente, em 2020 vai manter-se em 0,25% a Taxa Municipal de Direitos de Passagem, para reflectir os direitos e encargos relativos à implantação, passagem e atravessamento de sistemas, equipamentos e demais recursos das empresas que oferecem redes e serviços de comunicações electrónicas acessíveis ao público, em local fixo, dos domínios público e privado municipal.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - segunda, 06/07/2020
Marginal de Milfontes
já reabriu ao trânsito
Já reabriu à circulação automóvel a avenida marginal de Vila Nova de Milfontes, no concelho de Odemira, depois das obras de requalificação efectuadas no âmbito do programa Polis Sudoeste.
08h00 - sábado, 04/07/2020
Militares da GNR de Odemira
e Milfontes condenados por agressões
Os cinco militares da GNR de Odemira e de Milfontes foram considerados culpados no caso em que eram acusados, entre outros crimes, de agredirem dois imigrantes na zona do Almograve em Outubro de 2018.
07h00 - sexta, 03/07/2020
Participação de crimes
aumenta no Alentejo Litoral
A participação de crimes aumentou no Alentejo Litoral em 2019 face ao ano anterior, revela o Relatório Anual de Segurança Interna (RASI) 2019, aprovado na passada semana pelo Conselho Superior de Segurança Interna.
12h48 - terça, 30/06/2020
Candidato único
à Federação do PS
do Baixo Alentejo
Nelson Brito, actual presidente da Câmara de Aljustrel, vai ser o único candidato à presidência da Federação do Baixo Alentejo do PS nas eleições agendadas para o próximo dia 17 de Julho, depois de Hélder Guerreiro, ex-vice-presidente da Câmara de Odemira e actual vogal-executivo do Alentejo 2020, ter abdicado da sua candidatura.
07h00 - terça, 30/06/2020
BE defende "automatização" da
tarifa social da água em Odemira
A Assembleia Municipal de Odemira aprovou, na sexta-feira, 26, por proposta do Bloco de Esquerda (BE), uma recomendação à Câmara Municipal para que torne automática a atribuição da tarifa social da água e resíduos, através dos mecanismos previstos para o efeito, dispensando a apresentação de requerimento.

Data: 03/07/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial