07h00 - sexta, 06/12/2019

Nadadores-salvadores criam
nova associação em Odemira

Nadadores-salvadores criam nova associação em Odemira

Prestar serviços de assistência a banhistas, em especial no salvamento e socorro nas zonas balneares do concelho: é esta a grande meta da recém-criada GUARDIÃO-Associação de Nadadores-Salvadores do Concelho de Odemira. A nova instituição foi fundada em Odemira no passado dia 8 de Novembro e surge de uma necessidade há muito sentida por quem trabalha no meio.
"Em tempos houve outro colegas que pensaram neste projecto, mas nunca ninguém avançou nem deu o passo em frente. E eu achei que já estava na altura! O concelho de Odemira merece uma associação com estes fins, devido ao aumento do turismo e aos terríveis acidentes que nos tem assolado fora da época balnear", explica ao "SW" o presidente da Guardião.
De acordo com Licínio Matos, o projecto da associação nasceu de uma "vontade" sua e foi impulsionada por uma conversa que manteve com o seu "grande amigo" António Mestre, presidente da associação RESGATE, com sede em Sines.
"Recebi logo o maior apoio para seguir em frente com este projecto! E desde essa conversa e apoio a associação ganhou vida. Falei com amigos e colegas nadadores-salvadores, todos do concelho de Odemira e praticamente todos oriundos da RESGATE, pois foi a associação que nos transformou naquilo que somos hoje e a quem muito devemos", lembra Licínio Matos.
De momento, continua o presidente, a GUARDIÃO já conta com 21 elementos associados, todos nadadores-salvadores do concelho ou residentes. Mas a ambição é alargar o número de sócios. "Iremos procurar aumentar este numero de todos aqueles que se queiram juntar a nós neste projecto, sendo que temos sócios efectivos, colaboradores e honorários. Todos podem participar e discutir assuntos nas assembleias [gerais], mas apenas os sócios efectivos têm direito a voto", explica o presidente.
Além da prestação de serviços de assistência a banhistas, a GUARDIÃO tem outras metas, principalmente nas áreas da Educação e dos comportamentos da população em geral nos meios aquáticos.
"Somos um país de mar, de navegantes e descobridores, mas infelizmente a grande maioria da população desconhece o perigos dos meios aquáticos e acha que o simples facto de saber nadar é tudo, que não existe perigo por se aproximar do mar. Mas estão errados por pensar assim e é isso que queremos mudar, para podermos reduzir os acidentes e dar tranquilidade a população que aqui reside e que nos visita diariamente, seja no período da época balnear, mas também fora dela", adianta Licínio Matos.
Nesse sentido, e em parceria com a RESGATE, a GUARDIÃO pretende continuar a desenvolver o projecto "ZORA", bem como a Escola de Nadadores-Salvadores Juniores de Vila Nova de Milfontes. Esta última, diz Licínio Matos, "tem sido uma grande conquista" e a "procura é cada vez maior" por parte dos mais novos, tendo como intuito "trabalhar junto dos jovens a educação nas praias". "Eles aprendem os conhecimentos técnicos de salvamento, mas, mais importante, de auto-salvamento, que depois transmitem aos pais, familiares e amigos, prevenindo assim acidentes", acrescenta.
A par destes projectos, o presidente da GUARDIÃO admite a possibilidade de a associação assumir responsabilidades na vigilância das praias do concelho. "A nossa associação estará sempre disponível para isso, sendo essa a vontade dos concessionários, seja durante ou fora o período da época balnear. É certo de que o momento em todo o território nacional passa por dificuldades pela falta de nadadores-salvadores, por ser um trabalho sazonal e pela maioria dos nadadores-salvadores serem estudantes, mas estou certo que contornaremos essa dificuldade, de forma a podermos assegurar a vigilância das praias do concelho", conclui Licínio Matos.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - quarta, 30/09/2020
Acção judicial avança em
defesa do Parque Natural
O movimento de cidadãos "Juntos pelo Sudoeste", juntamente com a Associação Foz do Mira, apresentou, na passada semana, uma acção judicial no Tribunal Administrativo e Fiscal de Beja, no sentido de garantir a defesa dos valores do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina (PNSACV).
07h00 - terça, 29/09/2020
Odemira aprova moção sobre
transportes escolares no concelho
A Assembleia Municipal de Odemira aprovou na sexta-feira, 25, por unanimidade uma moção, apresentada pelos eleitos do PS, onde manifesta as suas preocupações relativamente ao transporte escolar no concelho no presente ano escolar de 2020-2021.
07h00 - segunda, 28/09/2020
Assembleia Municipal
de Odemira aprova
moção sobre água
Os eleitos da Assembleia Municipal de Odemira defendem que a Câmara de Odemira, "em articulação com os restantes municípios do país, deverá desenvolver de imediato esforços junto de quem de direito para que os municípios portugueses onde existam barragens de água para abastecimento público, regadio e outros fins devam fazer parte integrante dos órgãos de decisão de planeamento e gestão das respectivas bacias hidrográficas".
07h00 - segunda, 28/09/2020
Praia de Milfontes
eliminado da Taça
A formação do Praia de Milfontes disse adeus à edição de 2020-2021 da Taça de Portugal, após ter sido eliminada neste domingo, 27 de Setembro, na casa do Mineiro Aljustrelense.
07h00 - segunda, 28/09/2020
Detidos por tráfico
de droga em Odemira
A GNR deteve na passada semana dois homens, um de 38 anos e outro de 58, por suspeitas do crime de tráfico de estupefacientes no concelho de Odemira, adianta ao "SW" fonte oficial da Guarda.

Data: 18/09/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial