07h00 - sexta, 13/12/2019

Banda de Odemira festeja
três décadas de música

Banda de Odemira festeja três décadas de música

Foi a 15 de Dezembro de 1989 que nascia a Banda Filarmónica de Odemira, fruto do empenho que Manuel Maria dos Reis (então presidente da Junta da Santa Maria), José Inocêncio Silvestre e António Cansado dedicaram ao projecto. Desde então passaram-se três décadas que, com mais altos que baixos, enche de orgulho todos os músicos e dirigentes da Banda de Odemira.
"Estes 30 anos representam muita amizade e companheirismo. Muitas horas de trabalho, muitas vivências, muitas histórias, mas acima de tudo um sentimento de dever cumprido assim como de responsabilidade para elevar ainda mais o nome da Banda Filarmónica de Odemira e, claro, do nosso concelho", sintetiza ao "SW" a presidente da Direcção da instituição.
Na opinião de Luísa Guerreiro, são muitos os momentos marcantes no percurso iniciado em 1989 pela Banda Filarmónica de Odemira. Entre estes, a presidente destaca "o Jubileu dos Músicos, que ocorreu no Santuário de Fátima no ano 2000" e "a participação nos Desfiles Nacionais de Bandas Filarmónicas, na Avenida da Liberdade, em Lisboa", em 2014, 2015 e 2019.
A estes a dirigente junta ainda "a atribuição da Medalha de Mérito Municipal/Grau Ouro, condecoração atribuída pela Assembleia Municipal de Odemira no dia 25 de Abril de 2015" e "a organização de quatro estágios para instrumentos sopros e percussão, que na última edição contou com 138 músicos".
Mas nem tudo foi positivo nestas três décadas. "Durante estes 30 anos também se destacam dois momentos muito difíceis, que tiveram a ver com a partida inesperada e prematura de dois jovens músicos da casa, ainda com muito para viver e dar si, não só à banda como a todos nós", frisa Luísa Guerreiro.
Prestes a cumprir 30 anos, a Banda Filarmónica de Odemira atravessa, na opinião da sua presidente, "um momento bom, tanto ao nível da banda filarmónica como da sua Escola de Música".
Dirigida pelo maestro Daniel Batista, a banda conta actualmente com cerca de 40 elementos, dos 11 aos 70 anos, na sua maioria provenientes da Escola de Música. Esta última, continua Luís Guerreiro, "funciona regularmente entre segunda-feira e sábado e conta, neste momento, com 35 alunos".
Para manter o seu funcionamento, a Banda de Odemira conta com os apoios da Câmara Municipal e com as receitas dos serviços religiosos que realiza. A isto junta as verbas provenientes do pagamento das quotas dos seus sócios e algumas doações. Ainda assim, há sempre constrangimentos a enfrentar no dia-a-dia.
"A maior dificuldade sentida actualmente prende-se com a falta de instrumentos e também de fardamentos. O projecto pensado e aplicado nestes últimos anos assenta no aumento estruturado da Escola de Música, que por sua vez visa alimentar a banda filarmónica. Este projecto tem corrido como previsto, mas atingimos o nosso limite tanto ao nível dos instrumentos como dos fardamentos e este é um problema que inviabiliza o crescimento da banda e da Escola de Música", alerta a presidente.
Por isso mesmo, continua Luísa Guerreiro, o grande desafio da Banda Filarmónica de Odemira é mesmo conseguirmos fazer com que este projecto continue a ser "aliciante para as novas gerações". Nesse sentido, "estamos a trabalhar para um aumento das valências da Escola de Música, com a criação de uma turma de iniciação musical para crianças entre os cinco e os seis anos, a par da a criação de uma classe de guitarra portuguesa e também a criação de um coro polifónico".
"Esta alteração estrutural prevê a alteração do nome da Escola de Música para Academia de Música da Banda Filarmónica de Odemira", conclui Luísa Guerreiro.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - quarta, 30/09/2020
Acção judicial avança em
defesa do Parque Natural
O movimento de cidadãos "Juntos pelo Sudoeste", juntamente com a Associação Foz do Mira, apresentou, na passada semana, uma acção judicial no Tribunal Administrativo e Fiscal de Beja, no sentido de garantir a defesa dos valores do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina (PNSACV).
07h00 - terça, 29/09/2020
Odemira aprova moção sobre
transportes escolares no concelho
A Assembleia Municipal de Odemira aprovou na sexta-feira, 25, por unanimidade uma moção, apresentada pelos eleitos do PS, onde manifesta as suas preocupações relativamente ao transporte escolar no concelho no presente ano escolar de 2020-2021.
07h00 - segunda, 28/09/2020
Assembleia Municipal
de Odemira aprova
moção sobre água
Os eleitos da Assembleia Municipal de Odemira defendem que a Câmara de Odemira, "em articulação com os restantes municípios do país, deverá desenvolver de imediato esforços junto de quem de direito para que os municípios portugueses onde existam barragens de água para abastecimento público, regadio e outros fins devam fazer parte integrante dos órgãos de decisão de planeamento e gestão das respectivas bacias hidrográficas".
07h00 - segunda, 28/09/2020
Praia de Milfontes
eliminado da Taça
A formação do Praia de Milfontes disse adeus à edição de 2020-2021 da Taça de Portugal, após ter sido eliminada neste domingo, 27 de Setembro, na casa do Mineiro Aljustrelense.
07h00 - segunda, 28/09/2020
Detidos por tráfico
de droga em Odemira
A GNR deteve na passada semana dois homens, um de 38 anos e outro de 58, por suspeitas do crime de tráfico de estupefacientes no concelho de Odemira, adianta ao "SW" fonte oficial da Guarda.

Data: 18/09/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial