08h00 - quarta, 08/04/2020

Quercus liberta peixes
na Ribeira do Torgal

Quercus liberta peixes na Ribeira do Torgal

A associação ambientalista Quercus promove nesta quarta-feira, 8, pelas 12h00, uma acção de libertação no meio natural de cerca de mil peixes autóctones reproduzidos em cativeiro no Pego das Pias, na ribeira do Torgal, no concelho de Odemira.
De acordo com a associação, os peixes a libertar pertencem às espécies Iberochondrostoma almacai (Boga-do-Sudoeste) e Squalius torgalensis (Escalo-do-Mira), espécies em perigo de extinção e que foram reproduzidos no Posto Aquícola de Campelo, em Figueiró dos Vinhos.
Esta libertação de peixes ameaçados de extinção surge no âmbito do projecto "Conservação ex situ de organismos fluviais", dinamizado pela Quercus, Aquário Vasco da Gama, MARE-ISPA e Faculdade de Medicina Veterinária, e que tem como parceiro a Câmara de Figueiró dos Vinhos.
O projecto está em curso desde 2008 e tem como objectivo "reproduzir e manter populações ex situ de algumas das espécies de peixes de água doce mais ameaçadas no nosso país".
Segundo a Quercus, no âmbito do projecto "a reprodução de peixes em cativeiro é desenvolvida no Posto Aquícola de Campelo, estrutura disponibilizada pelo Município de Figueiró dos Vinhos e gerida pela Quercus, no âmbito de uma parceria estabelecida, e em instalações do Aquário Vasco da Gama, situado em Oeiras".
"No final do processo de reprodução e ambientação em cativeiro, os repovoamentos de peixes são efectuados em troços dos rios de origem (dos indivíduos inicialmente capturados para reprodutores) que apresentem características favoráveis à sobrevivência e reprodução dos peixes. Sempre que possível, estes troços encontram-se associados a projectos de recuperação de linhas de água, envolvendo cidadãos e entidades que localmente efectuam uma monitorização mais ou menos formal destas bacias hidrográficas", acrescenta a associação.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - terça, 26/05/2020
500 portáteis distribuídos
por alunos de Odemira
São 500 computadores portáteis e 280 routers que permitem o acesso à Internet: é este equipamento informático que a Câmara de Odemira vai distribuir pelos alunos do concelho, no sentido de assegurar que todos os jovens estudantes tenham à disposição as ferramentas necessárias para o ensino à distância.
09h00 - segunda, 25/05/2020
Freguesia
de São Luís sem
médico há meses
A Junta de Freguesia de São Luís, no concelho de Odemira, está indignada pela falta de profissionais de saúde na Extensão de Saúde local, sendo que de momento a freguesia não conta com médico, enfermeiros ou sequer serviços administrativos.
07h00 - segunda, 25/05/2020
Plataforma pelas Artes
nasce no concelho de Odemira
A vila de Odemira foi um dos "palcos", na passada quinta-feira, 21, da vigília pelas artes e cultura em Portugal, numa iniciativa da qual acabou por nascer a Plataforma Cultura e Artes Odemira, que junta diversos artistas residentes no concelho.
08h00 - sexta, 22/05/2020
Vereadora Deolinda Seno Luís: "Era incompreensível Odemira não ter CLDS"
Em entrevista ao "SW" a vereadora Deolinda Seno Luís, responsável pelo pelouro da Intervenção Social na Câmara de Odemira, explica a importância de o concelho ter, pela primeira vez, um Contrato Local de Desenvolvimento Social no seu território.
08h00 - sexta, 22/05/2020
Odemira quer ter
idosos "mais activos"
Promover o "envelhecimento activo" e a "autonomia das pessoas idosas", assim como combater a solidão e o isolamento, são algumas das metas do "Geração Activa", projecto que arrancou no passado mês de Outubro e que é o primeiro Contrato Local de Desenvolvimento Social (CLDS) desenvolvido no concelho de Odemira.

Data: 22/05/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial