07h00 - quinta, 06/08/2020

Vestígios arqueológicos
descobertos em Alvalade

Vestígios arqueológicos descobertos em Alvalade

A Câmara de Santiago do Cacém vai estudar os vestígios arqueológicos que foram encontrados e colocados a descoberto em várias ruas de Alvalade, no decorrer das obras de requalificação do centro histórico daquela vila.
Fonte da autarquia revela que, perante o achado, os trabalhos foram interrompidos "para que possam ser realizadas as escavações arqueológicas e a posterior exumação e estudo antropológico das ossadas".
"Estas situações são normais quando se intervém em zonas com um passado tão antigo. Alvalade é uma localidade que tem muita história e um património arqueológico rico, e é precisamente por essa razão que a Câmara Municipal está a criar um museu de arqueologia naquela freguesia", revela o presidente da autarquia.
De acordo com Álvaro Beijinha, por agora a Câmara Municipal vai "aguardar pelos resultados dos trabalhos de arqueologia e análise" para saber "do que se trata efectivamente".
"Mas suspeitamos que será um cemitério, tendo em conta o número de ossadas que foram descobertas, havendo ainda a particularidade de estarem enterradas a pouca profundidade", diz.
O autarca adianta ainda que, tendo em conta os vestígios encontrados, a Câmara de Santiago do Cacém vai reforçar a sua equipa de arqueólogos, "para que as obras, no Largo 25 de Abril, possam decorrer".
"Mas não queremos que se perca a oportunidade de estudar o que foi descoberto, porque os achados fazem parte da história da freguesia e do concelho", continua Beijinha, acrescentando que a intenção é "apurar se esta descoberta merece um estudo mais aprofundado e inclusivamente ser exposta".
De momento, a Câmara de Santiago do Cacém promove o acompanhamento científico das descobertas através de uma equipa de investigadores, que foi reforçada com mais dois arqueólogos e um antropólogo, que será o responsável por escavar e estudar os esqueletos humanos.
O acompanhamento arqueológico das obras está a cargo da arqueóloga Lídia Vírseda, da empresa ArqueoHoje.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - segunda, 28/09/2020
Câmara de Santiago investe
600 mil euros em transporte escolar
A Câmara de Santiago do Cacém vai investir quase 600 mil euros ao longo do ano lectivo de 2020-2021 para garantir o transporte de 539 alunos de todo o concelho entre a sua habitação e a escola.
07h00 - quarta, 23/09/2020
Projecto cultural de quatro milhões
vai nascer na barragem de Campilhas
A estrutura artística Mala Voadora vai desenvolver um projecto de alojamento e residências artísticas na barragem de Campilhas, no concelho de Santiago do Cacém, orçado em cerca de quatro milhões de euros.
07h00 - terça, 22/09/2020
Os Chaparros BTT Team
recebe prémio nacional
A Associação "Os Chaparros BTT Team", de Santiago do Cacém, recebeu na passada semana o Prémio Nacional "Mobilidade em Bicicleta" para associações e clubes, atribuído pela Federação Portuguesa de Cicloturismo e Utilizadores de Bicicleta (FPCUB).
07h00 - quinta, 17/09/2020
CM Santiago critica
falta de auxiliares em
cinco escolas rurais
A Câmara de Santiago do Cacém lamenta a falta de auxiliares operacionais em cinco escolas rurais do concelho, situação que levou o presidente da autarquia a manifestar, por carta, a sua indignação pela situação junto do Governo.
07h00 - segunda, 14/09/2020
Santiago do Cacém com
40 casos activos de Covid-19
O concelho de Santiago do Cacém registava neste domingo, 13, um total de 40 casos activos de Covid-19, numa situação que está a ser acompanhada de perto pela autarquia e pelos serviços de saúde locais.

Data: 18/09/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial