07h00 - quarta, 18/11/2020

GNR sinaliza 1.825 idosos sozinhos
ou isolados no Alentejo Litoral

GNR sinaliza 1.825 idosos sozinhos ou isolados no Alentejo Litoral

Um total de 1.825 idosos foram sinalizados pela GNR nos cinco concelhos do Alentejo Litoral por viverem sozinhos e/ou isolados. Os dados constam do balanço da operação "Censos Sénior 2020", realizada no passado mês de Outubro e a que o "SW" teve acesso.
De acordo com os números obtidos junto da GNR, foi no concelho de Odemira que foram identificados mais idosos a viver sozinhos, isolados ou sozinhos e isolados, num total de 959 pessoas. Segue-se o concelho de Santiago do Cacém, com 459 idosos sinalizados.
A GNR identificou ainda 166 idosos no concelho de Grândola, mais 131 em Sines e 110 em Alcácer do Sal.
Segundo adianta ao "SW" a GNR, durante a operação "Censos Sénior 2020" os militares da Guarda "privilegiaram o contacto pessoal com as pessoas idosas em situação vulnerável, no sentido de sensibilizarem e alertarem este público-alvo para a adopção de comportamentos de segurança que permitam reduzir o risco de se tornarem vítimas de crimes, nomeadamente em situações de violência, de burla e furto".
Durante a operação os idosos foram igualmente alertados para a necessidade de "prevenir comportamentos de risco associados ao consumo de álcool, bem como para a adopção de medidas preventivas de propagação da pandemia Covid-19".
A GNR acrescenta que a operação "Censos Sénior" é realizada desde 2011, permitindo a actualização da base de dados geográfica da Guarda e proporcionando "um melhor apoio" à população idosa.
Isso "certamente contribui, por um lado, para a criação de um clima de maior confiança e de empatia entre os idosos e os militares da GNR e, por outro, para o aumento do seu sentimento de segurança".
Na operação "Censos Sénior 2020" a GNR sinalizou, nos 18 distritos de Portugal continental, um total de 42.439 idosos (mais 571 que no ano anterior) que vivem sozinhos e/ou isolados ou em situação de vulnerabilidade, em razão da sua condição física, psicológica ou outra que possa colocar em causa a sua segurança.
Durante a operação foram ainda realizadas 34 acções em sala e 3.652 acções porta-a-porta, abrangendo um total de 20.747 idosos.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - sexta, 30/07/2021
"Cultura Com Todos"
termina em Odemira
Dinamizar o território e apoiar os agentes culturais locais é o grande objetivo do programa "Cultura com Todos em Odemira", que a Câmara Municipal tem vindo a promover nas freguesias do concelho do Litoral Alentejano ao longo deste mês de julho.
07h00 - sexta, 30/07/2021
Milfontes em sobressalto com ruído e vandalismo
A população de Vila Nova de Milfontes, no concelho de Odemira, está indignada com o excesso de ruído, desacatos e atos de vandalismo provocados por um grupo de jovens que, todos os anos, passa férias na localidade.
07h00 - sexta, 30/07/2021
Nuno Góis candidato
da CDU à AM Odemira
Nuno Góis vai ser o candidato da CDU à Assembleia Municipal de Odemira nas próximas eleições Autárquicas, agendadas para 26 de setembro, anunciou a candidatura comunista na sua página oficial no Facebook.
07h00 - quinta, 29/07/2021
Odemira foi o concelho com
maior aumento de população
O concelho de Odemira foi o único em todo o Alentejo que aumentou a população residente na última década, segundo os dados preliminares dos Censos 2021, que foram revelados nesta quarta-feira, 28 de julho.
07h00 - quarta, 28/07/2021
Odemira reabre fundo
de apoio a agentes culturais
A Câmara de Odemira anunciou a reabertura do fundo municipal de apoio extraordinário aos agentes culturais, no valor total de 40 mil euros, no sentido de "minimizar" o impacto da pandemia na atividade dos artistas e associações do concelho.

Data: 30/07/2021
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial