07h00 - sexta, 17/12/2021

Gapi World produz
elásticos para o cabelo
com o "toque" da avó

Gapi World produz elásticos para o cabelo com o "toque" da avó

Foi a partir de uma camisa que Ana Rita Pinto não utilizava, mas que tinha um padrão que lhe agradava, que "nasceu" o projeto da Gapi World.
A vontade reutilizar a peça de vestuário levou a jovem de Odemira, então estudante do Secundário, a pedir à avó Inácia Correia que a partir do tecido costurasse alguns scrunchies (elásticos) para o cabelo, numa ideia original que acabou por dar origem a um negócio.
"A minha avó, que sempre gostou de costurar, adorou a ideia, costurou e arranjou logo mais tecidos para fazermos mais e vendermos", conta ao "SW" a jovem de 24 anos, licenciada em Relações Públicas e Comunicação Empresarial e vencedora dos prémios "Espírito Empreendedor 2021", na categoria "Novas Iniciativas Empresariais", promovidos pela Câmara de Odemira.
Segundo Ana Rita Pinto, os primeiros scrunchies foram vendidos "a amigas e a amigas de amigas".
"E tudo começou assim, numa brincadeira", acrescenta a empresária, que, confidencia, herdou da avó Inácia a "veia empreendedora".
Foi já estudante universitária, em 2018, que Ana Rita Pinto lançou o projeto da Gapi World "a sério".
Depois de uma viagem (e uma conversa sobre o futuro) entre Lisboa e Odemira com o namorado André Campos, os dois resolveram aventurar-se com o negócio, contando para tal com o apoio da família de Ana Rita, nomeadamente os avós Inácia e José Correia.
"Criámos o site, as páginas nas redes sociais e começámos a trabalhar. Nessa altura era a minha avó que costurava, mas agora já sou eu que costuro e a minha avó ajuda-me", conta Ana Rita.
A Gapi World já esteve presente em alguns mercados de artesanato, mas é no mercado digital que vende mais.
"Vendemos pelo site ou através de mensagens que nos chegam pelo Facebook ou Instagram. Enviamos encomendas todos os dias, sendo que já vendemos para todo o país e até para o estrangeiro, como Espanha, Itália e Inglaterra", conta a jovem empresária.
Os scrunchies em licra, cetim ou veludo e com diversos padrões originais são a "imagem de marca" da Gapi World, que também já alargou o seu portefólio a outros acessórios, como bandoletes, sacos ou bijuteria.
"Sou rapariga e pensei: 'Se chegasse ao site se calhar gostava de ver outras coisas'. Começámos com as bandoletes, pensámos depois nos tote bags (sacos) e depois surgiu a bijuteria, que tem sempre uma ligação com os elásticos", explica Ana Rita Pinto.
O futuro passa agora pela abertura de uma loja física.
"Temos ideia de ser em Milfontes, porque já trabalhei lá, conheço o público e gostava muito. Apesar do online se manter sempre, achamos que ter um espaço físico é muito importante", conclui a fundadora da Gapi World.


Notícias Relacionadas

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - sexta, 20/05/2022
Odemira recebe Torneio
Regional de natação
no fim-de-semana
A Piscina Municipal de Odemira recebe neste fim-de-semana, 21 e 22 de maio, o Torneio Regional de Fundo e Nadador Completo, numa organização da Associação de Natação do Alentejo, em parceria com a Câmara Municipal.
07h00 - sexta, 20/05/2022
Grandes incêndios preocupam bombeiros no concelho de Odemira
A possibilidade de terem de acorrer a um grande incêndio na área florestal do município, associada à escassez de água, é a maior preocupação dos comandantes das duas corporações de bombeiros voluntários do concelho de Odemira no arranque do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Rurais (DECIR) para 2022.
15h09 - segunda, 16/05/2022
Detido por
tráfico de droga
em Odemira
Um homem de 27 anos foi detido, na passada sexta-feira, 13, pela GNR, pela prática do crime de tráfico de estupefacientes no concelho de Odemira e vai aguardar julgamento em prisão preventiva.
07h00 - segunda, 16/05/2022
Integração de migrantes é uma
"necessidade efetiva" em Odemira
A integração de migrantes representa "mais de dois terços" daquilo que é a área de intervenção social da TAIPA no território de Odemira, reconhece ao "SW" a vice-presidente da cooperativa.
07h00 - segunda, 16/05/2022
"Brisas do Atlântico"
regressam a Odemira
no dia 10 de junho
A Câmara de Odemira volta a promover, no próximo dia 10 de junho, as "Brisas do Atlântico", evento desportivo multidisciplinar entre Almograve e Zambujeira do Mar, que regresso em 2022 depois de dois anos de ausência devido à Covid-19.

Data: 20/05/2022
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial