10h58 - quinta, 01/06/2017

Renovando as tradições


Carlos Pinto
Nesta edição do "SW" viajámos até à freguesia de São Martinho das Amoreiras. É nesta aldeia do interior do concelho de Odemira que está a ser implementado o projecto do Centro de Valorização da Viola Campaniça e do Cante de Improviso, dinamizado pela Câmara Municipal de Odemira em parceria com a Junta de Freguesia local, a ADA – Associação para o Desenvolvimento de Amoreiras-Gare e a Casa do Povo de S. Martinho das Amoreiras. Tudo em nome da salvaguarda e da promoção desta tradição cultural do Baixo Alentejo.
A par da criação de um núcleo museológico e da dinamização de actividades culturais, uma das vertentes do projecto passa pela formação de novos tocadores de campaniça e cantadores de despique e baldão. Um trabalho que passa, sobretudo, pelos bancos de escolas como a de São Martinho das Amoreiras (e restantes estabelecimentos dos agrupamentos de escolas de Colos e de Sabóia), onde o "SW" esteve e na qual as crianças já estão a aprender a arte de dedilhar as cordas de arame destas violas [ver reportagem na página 7].
Ora esta parece-nos ser uma aposta bastante acertada. Numa era em que temos acesso a tudo e mais alguma coisa, onde o global se sobrepõe impiedosamente ao local, é junto das gerações mais novas que se tem de começar a fazer este trabalho de preservação e salvaguarda daquilo que é mais genuíno e que faz parte da história colectiva e cultural da comunidade em que estes crescem. Assim se conseguirá renovar a tradição e, simultaneamente, abrir novos caminhos na captação de visitantes a estes territórios afastados do mar.



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 21/11/2017
Ambientalistas contra
petróleo no Sudoeste
Um total de 28 organizações e movimentos voltaram a reafirmar a sua oposição ao projecto do consórcio GALP/ ENI, que vis a prospecção e exploração de petróleo e gás no mar ao largo da Costa Vicentina e Sudoeste Alentejano.
07h00 - terça, 21/11/2017
Câmara de Sines
diminui taxa de IMI
A Assembleia Municipal de Sines aprovou a proposta da Câmara para a redução do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) a aplicar em 2018, com a taxa a passar dos actuais 0,36% para 0,355%.
07h00 - terça, 21/11/2017
Junta de Colos vai
apostar na proximidade
As pessoas vão estar no "centro da acção" da Junta de Freguesia de Colos no mandato que se prolonga até 2021, garante ao "SW" o reeleito presidente Manuel Penedo, 73 anos, que assume a prioridade de nos próximos quatro anos reforçar a "proximidade com as pessoas e com as associações" desta histórica freguesia do concelho de Odemira.
00h00 - segunda, 20/11/2017
Obras avançam em
Boavista dos Pinheiros
Os próximos quatro anos em Boavista dos Pinheiros vão ser de muitas obras, adianta ao "SW" o reeleito presidente da Junta de Freguesia, Manuel Pereira, de 45 anos, que até 2021 pretende avançar com quatro grandes projectos para a freguesia.
00h00 - segunda, 20/11/2017
Medronho "à mesa"
no concelho de Odemira
Borrego frito com molho de medronho, mel e hortelã, bife de vaca com café e medronho ou pudim de medronho são algumas das propostas ao longo desta semana em quatro restaurantes do concelho de Odemira.

Data: 17/11/2017
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial