10h48 - quinta, 29/06/2017

Uma linha indispensável


Carlos Pinto
A Comissão Europeia vai apoiar com 89,5 milhões de euros a construção do Corredor Internacional Sul, que ligará o Porto de Sines à fronteira do Caia. Tal como o "SW" lhe conta nesta edição [ver página 8], trata-se de um dos projectos mais importantes do Plano Ferrovia 2020 e vai permitir que o porto alentejano fique finalmente ligado por via terrestre a toda a Europa através de uma via moderna, rápida e, sobretudo, capaz de dar resposta às necessidades da economia regional e nacional.
Há muito que se fala nesta ligação ferroviária de Sines para Espanha e restam poucas dúvidas que esta é uma linha indispensável. As razões são por demais óbvias: o Porto de Sines é já o que mais carga movimenta no país e um dos principais em toda a Península Ibérica. Além dos mais, Sines é um dos maiores portos de águas profundas da Europa e está no centro das grandes rotas marítimas mundiais, nomeadamente nas ligações transatlânticas e nos percursos com origem no Pacífico.
É por tudo isto que a criação da ligação ferroviária de Sines a Espanha (e daí para o resto da Europa) é uma necessidade de ontem. Com ela abrir-se-ão novos horizontes ao porto que muitos classificaram, não há muito tempo atrás, como um "elefante branco". E se o Porto de Sines continuar a crescer e reforçar a sua posição no sector, também o Alentejo Litoral dará passos significativos no seu dinamismo económico e social.

2 – Há 15 dias escrevemos neste mesmo espaço que a aposta feita no concelho de Odemira na promoção do turismo de natureza e desportivo era a mais acertada e estava a dar frutos, com cada vez mais visitantes a passarem pela região sem ser pelo sol e mar. A Rota Vicentina deu um forte contributo para esta nova realidade e o recente anúncio da sua expansão, avaliada em cerca 1,5 milhões de euros, reforça o sentimento de que o Alentejo Litoral é cada vez mais um destino turístico de excelência.



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 25/09/2018
"Sonoridades & Sabores"
regressa em Novembro
O roteiro "Sonoridades & Sabores" regressa ao interior do concelho de Odemira no próximo mês de Novembro, no sentido de valorizar e promover as tradições do cante ao despique e baldão e da viola campaniça ao longo de tardes culturais com muita música e petiscos.
07h00 - terça, 25/09/2018
"Street art" na zona
desportiva de Grândola
O artista STYLER (nome artístico de João Cavalheiro) está a realizar um grafitti na fachada sul do Complexo Desportivo Municipal José Afonso, em Grândola, no âmbito da quinta edição do "Arte na Rua".
07h00 - terça, 25/09/2018
Rácio para pessoal auxiliar
em Odemira é insuficiente
O novo ano escolar no concelho de Odemira começou com todos os agrupamentos a cumprirem o rácio legal em matéria de pessoal auxiliar, mas este acaba por ser insuficiente para as necessidades do território, reconhece a vereadora da Educação na Câmara Municipal local.
07h00 - segunda, 24/09/2018
CM Grândola também rejeita
transferência de competências
A maioria CDU na Câmara e Assembleia Municipal de Grândola aprovaram não aceitar a transferência de competências da administração central para a autarquia no próximo ano de 2019.
21h34 - domingo, 23/09/2018
Odemirense e Milfontes
entram a perder na época
Odemirense e Praia de Milfontes entraram de "pé esquerdo" na Taça de Honra da 1ª divisão distrital de Beja, ao perderem os seus jogos na ronda inaugural da nova prova do calendário de 2018-2019.

Data: 21/09/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial