17h09 - quinta, 15/03/2018

Investimento com sentido


Carlos Pinto
O Município de Odemira tem em marcha um projecto que visa promover o sucesso escolar no concelho e, em simultâneo, combater o abandono escolar precoce. Tudo decorre no âmbito do programa ODETE – Odemira Território Educativo e tem financiamento comunitário assegurado através do Alentejo 2020 para, até 2019-2020, alcançar metas bem concretas: reduzir a taxa de abandono escolar precoce de 31,9% para 10% e diminuir a taxa de analfabetismo de 15,66% para 7%, assim como aumentar o número de licenciados no concelho e diminuir as retenções no segundo ciclo do ensino básico e no 10º ano de escolaridade.
Os objectivos são ambiciosos e necessitam de muito trabalho e empenho por parte de todos os envolvidos, desde os agentes educativos aos técnicos da autarquia, passando pelos encarregados de educação e, obviamente, pelos próprios alunos. Mas apesar da exigência da tarefa, esta aposta na Educação que tem vindo a ser feita em Odemira faz todo o sentido.
Num tempo em que as desigualdades entre o litoral e o interior estão no centro do debate político, não nos podemos ficar apenas pelas reivindicações por melhores serviços públicos, por mais cuidados de saúde ou por novas acessibilidades, sejam elas rodoviárias ou ferroviárias. É certo que tudo isso é indispensável para almejar o futuro desejado, mas é na Educação que reside o grande desafio e, em simultâneo, a grande oportunidade.
Com melhor Educação, seja nos resultados obtidos seja em matéria de infra-estruturas, estaremos a dotar estes territórios de melhores homens e mulheres. Com melhor Educação seremos capazes de dotar as nossas vilas e aldeias de gente com ideias inovadoras e capacidade de empreender. Com melhor Educação abriremos novos horizontes e teremos mais massa crítica. E com melhor Educação viver no interior deixará de ser uma fatalidade.

Desporto de parabéns!
Ao longo das últimas semanas têm sido vários os campeões a "passar" pelas páginas do "SW". Nesta edição é a vez de Pedro Poeira (campeão nacional de atletismo em veteranos) e a equipa de futsal feminino do Odemirense (que voltou a fazer a "dobradinha" e vai ao nacional), que são o exemplo de como também há "cepa de campeão" por estas paragens. A todos eles os nossos parabéns!



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 19/02/2019
Marca "Escalabardo"
apresentada em S. Luís
Depois de muitos meses de trabalho no atelier instalado no Cerro do Moinho, a Junta de Freguesia de São Luís apresenta nesta terça-feira, 19 de Fevereiro, a marca "Escalabardo", resultado do projecto de cariz ambiental, social e comunitário que tem o mesmo nome.
07h00 - terça, 19/02/2019
EB 1 do Cercal
com bons resultados
A Escola Básica nº 1 do Cercal do Alentejo, no concelho de Santiago do Cacém, surge no topo do ranking das escolas públicas, divulgado no último sábado, 16 de Fevereiro.
07h00 - terça, 19/02/2019
Luís Bernardo Freitas
reeleito no PSD Odemira
O empresário Luís Bernardo Freitas foi reeleito no último sábado, 16 de Fevereiro, presidente da comissão política da Secção de Odemira do PSD, cargo que vai continuar a desempenhar nos próximos dois anos.
07h00 - segunda, 18/02/2019
Obra do Parque Urbano
avança em Alcácer do Sal
A Câmara de Alcácer do Sal ajudicou no final da passada semana, em reunião do executivo municipal, a obra do Parque Urbano da cidade, avaliada em cerca de 3,1 milhões de euros, à empresa António Saraiva e Filhos, Lda.
07h00 - segunda, 18/02/2019
Atletas de Sines são
esperanças olímpicas
A nadadora Ana Sofia Sousa e o ginasta Rúben Tavares entram nas contas para os Jogos Olímpicos de 2024, em Paris, tendo participado no final de Janeiro no Encontro Nacional de Esperanças Olímpicas.

Data: 15/02/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial