15h37 - quinta, 04/10/2018

O caminho das acessibilidades


Carlos Pinto
Na passada semana debateu-se, em Sines, a importância estratégica da ferrovia do Alentejo para o sistema portuário nacional, para o Alqueva e para o aeroporto de Beja. Uma iniciativa do recém-criado movimento Plataforma Alentejo onde também foram discutidos os investimentos considerados prioritários para a região que devem ser integrados no PNPOT e no novo Plano Nacional de Investimentos 2030.
Da conversa, e tal como o "SW" lhe dá conta na página 6 desta edição, destacaram-se dois pontos: por um lado, algumas empresas ligadas ao Porto de Sines esperam que o Governo avance "mais depressa" com as intervenções na ferrovia para tornar esta infra-esytrutura num verdadeiro "porto ibérico" e mais competitivo; por outro lado, voltou a defender-se a modernização da Linha do Alentejo para "absorver" comboios que sejam necessários de e para Sines e, paralelamente, para resolver o problema dos Intercidades do Algarve.
Tal como este debate comprovou, as necessidades (e potencialidades) da ferrovia na região estão bem identificadas. Assim como o estão os trabalhos e as obras necessárias na rede rodoviária nacional em todo o Alentejo Litoral, com o concelho de Odemira à cabeça. Por isso, mais que debater e discutir, está na hora de decidir para se poder fazer.
A região precisa com urgência de um plano para a área das acessibilidades. Um plano com cabeça, tronco e membros, que responda às prioridades há muito elencadas e que tem de estar presente nas negociações nacionais para o próximo quadro comunitário de apoio. Um plano que agilize procedimentos e potencie todas as oportunidades de futuro que se vislumbram no horizonte, da agricultura ao turismo. O Alentejo Litoral merece.



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sábado, 15/12/2018
Baldão e petiscos
na aldeia de Sabóia
O restaurante "Flor do Campo", na aldeia de Sabóia (concelho de Odemira), recebe neste sábado, 15 de Dezembro, a quarta sessão da edição de 2018-2019 do roteiro "Sonoridades & Sabores 2018".
07h00 - sábado, 15/12/2018
Banda de Odemira
comemora 29 anos
A Banda Filarmónica de Odemira assinala neste sábado, 15 de Dezembro, o seu 29º aniversário com várias actividades, entre as quais um grande concerto no cine-teatro Camacho Costa.
07h00 - sábado, 15/12/2018
Feiras e festas de Natal
no concelho de Odemira
A quadra natalícia já se sente um pouco por todo o concelho de Odemira, que nos próximos dias vai receber uma série de iniciativas, de feiras e mercados a concertos e exposições, para celebrar a época do ano mais aguardada por miúdos (e muitos graúdos).
07h00 - sexta, 14/12/2018
GALP investe 45,2 milhões
na refinaria de Sines até 2023
A empresa petrolífera GALP vai investir mais 45,2 milhões de euros na sua refinaria em Sines até 2023, no sentido de dotar esta infra-estrutura numa das mais eficientes da Europa em termos de "ambiente e eficiência energética".
07h00 - sexta, 14/12/2018
CM Alcácer do Sal
com boas finanças
A Câmara de Alcácer do Sal encontra-se com uma boa situação económica e financeira, revela o relatório do revisor oficial de contas referente ao primeiro semestre deste ano de 2018.

Data: 14/12/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial