12h38 - quinta, 31/01/2019

Cinco anos de "SW"


Carlos Pinto
O projecto do "Jornal Sudoeste" começou a germinar nas nossas mentes no final de 2013. Com o país (e, consequentemente, a região) a atravessar uma profunda crise económica, social e, sobretudo, de auto-estima, sentimos que era hora de dar o passo em frente. De ousar. De arriscar. De tentar fazer diferente e fazer bem. Ainda mais sendo o Alentejo Litoral um território único, pleno de potencialidades e oportunidades, terra de gente boa e íntegra. Foi desta forma que nasceu, no dia 7 de Fevereiro de 2014, o "SW". E aos ideais que guiaram a sua fundação juntámos-lhe cinco pilares essenciais: isenção, pluralismo, exigência, irreverência e inovação.
Desde então passaram-se cinco anos e 122 edições. Neste período fizemos centenas de reportagens e entrevistas. Viajámos do interior ao litoral, calcorreando os quilómetros necessários para contar o que merecia ser contado: das histórias de gente simples às ambições e projectos de empresários, instituições ou entidades públicas. Fomos à bola mas não esquecemos o andebol, o voleibol, o BTT, a natação ou outras modalidades. Visitámos as escolas e aprendemos com os alunos. Passámos pelo(s) palco(s) com os músicos e artistas da região e, sempre que possível, folheámos as páginas de dezenas de livros que contam o pulsar destas terras.
A par das edições em papel mantivemos activa e dinâmica a nossa página na Internet, actualizada todos os dias com as notícias que marcam a actualidade do território e que é visualizada diariamente por milhares de leitores. E estamos presentes em duas das maiores redes sociais do planeta, Facebook e Instagram, com as notícias da sua terra.
É por tudo isto que, mesmo sem vaidade e conscientes que também cometemos os nossos erros, sentimos que temos cumprido aquilo a que nos propusemos no primeiro dia. Com orgulho, responsabilidade e um genuíno agradecimento a todos os nossos leitores, colaboradores, anunciantes e parceiros.
Um jornal constrói-se todos os dias. Com dedicação, responsabilidade e ousadia. Daí que apesar do momento ser de celebração, continuamos empenhados em fazer, em cada número, um "SW" melhor que o da edição anterior. É esse propósito que nos guia e que motiva algumas das mudanças que temos em mente, algumas das quais já visíveis nestas páginas, casos de uma nova secção ("Memória Descritiva", com a recuperação do que foi notícia há cinco anos) e o reforço do nosso quadro de opinião. Mas há mais novidades na nossa agenda, tanto para as edições em papel como no plano do digital, onde nos queremos afirmar cada vez mais. Os desafios que se seguem no horizonte do "Sudoeste" são enormes. Mas não assustam, apenas nos motivam. Tudo em nome de um melhor jornal e do compromisso que mantemos com os nossos leitores.



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - terça, 25/06/2019
Speed Talent:
um projecto para
jovens empreendedores
O projecto Speed Talent-Acelerador de Talentos já arrancou por todo o Alentejo e também na região do Ribatejo.
07h00 - terça, 25/06/2019
Governo defende importância
dos portinhos de pesca
O secretário de Estado das Pescas defende a importância dos portinhos de pesca artesanal num momento em que se fala tanto da "economia do mar" e de grandes projectos ligados ao sector.
07h00 - terça, 25/06/2019
Bloquistas do
Alentejo Litoral
reuniram em Santiago
A agricultura intensiva, o transporte ferroviário e os direitos laborais foram algumas das questões em debate no primeiro Encontro do Alentejo Litoral do Bloco de Esquerda (BE), que se realizou no passado sábado, 22, em Santiago do Cacém.
07h00 - segunda, 24/06/2019
"Transporte a Pedido"
no concelho de Odemira
Melhorar as condições de mobilidade no concelho de Odemira, sobretudo nas freguesias do interior, é a grande meta do "Transporte a Pedido", projecto que a Câmara de Odemira conta lançar no segundo semestre deste ano.
07h00 - segunda, 24/06/2019
Acordo ambiental para
a lagoa de Melides
Um total de 14 entidades públicas e privadas subscreveram na passada semana o Acordo Ambiental para a Zona Húmida da Lagoa de Melides (Grândola), desenvolvido no âmbito do projecto europeu "WetNet".

Data: 21/06/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial