16h22 - quinta, 03/10/2019

O futuro é risonho, mas...


Carlos Pinto
Há muito que o Turismo está identificado como uma das actividades económicas de maior potencial no concelho de Odemira (assim como em toda a costa do Alentejo Litoral), fruto das suas fantásticas praias e de uma riqueza natural difícil de encontrar noutras latitudes. Por isso mesmo, não é de estranhar que o Verão de 2019 tenha sido marcado pelo crescimento do sector na região, com taxas médias de ocupação a rondar os 85%, como apurou o "SW" junto de algumas unidades de alojamento locais.
Esta não é uma situação isolada, bem pelo contrário, uma vez que, segundo dados da Entidade Regional de Turismo do Alentejo e Ribatejo, estas duas regiões viveram este ano "o melhor Verão de sempre", com mais turistas nacionais e uma subida nos consumos. "As taxas de ocupação, na maior parte do Alentejo e Ribatejo, estiveram muito perto dos 100%. Ou seja, houve de facto uma procura muito considerável não só no Litoral Alentejano como nas zonas onde já há praias fluviais", anunciou publicamente o presidente da Turismo do Alentejo, António Ceia da Silva.
Tudo isto nos leva a concluir que, sem dúvidas, o futuro da actividade turística no Alentejo Litoral (e no Alentejo) tem tudo para ser risonho. Mas como em tudo na vida, também neste sector não há "bela sem senão" e alguns dos aspectos apontados pelos empresários do sector no concelho de Odemira – excesso de oferta face à procura ou o aumento exponencial de população migrante – pode, inevitavelmente, prejudicar a actividade e retrair o interesse de turistas.
Nesse sentido, é indiscutível que o trabalho de conciliação de duas actividades tão preponderantes no concelho de Odemira, como são o turismo e a agricultura, tem de ser aprofundado… e quanto antes. Caso contrário, um e outro sector poderão sofrer graves retrocessos no futuro, com todas as consequências que podemos imaginar…

2. No domingo, 6 de Outubro, somos chamados às urnas para eleger os nossos deputados para a próxima legislatura. Que ninguém falte à chamada e cumpra este dever com consciência e sentido de responsabilidade, escolhendo aqueles que melhor poderão defender os interesses da sua região. O resto será a Democracia a funcionar!



COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

09h00 - quinta, 14/11/2019
Regadio no Mira: Bloco
quer audição com ministros
O Bloco de Esquerda (BE) já solicitou uma audição, "com carácter de urgência", dos ministros das Infra-estruturas e Habitação e do Ambiente e Ação Climática sobre o novo regime especial e transitório para o Perímetro de Rega do Mira.
07h00 - quinta, 14/11/2019
Atletas de Odemira com
sete vitórias em Odivelas
Um total de sete vitórias foi o que os atletas das equipas de atletismo do concelho de Odemira conseguiram alcançar no V Grande Prémio de São Martinho, que se realizou na aldeia de Odivelas (Ferreira do Alentejo) no passado domingo, 10.
07h00 - quinta, 14/11/2019
CDS questiona Governo sobre
Hospital do Litoral Alentejano
A deputada do CDS-PP Ana Rita Bessa questionou nesta quarta-feira, 13, a ministra da Saúde sobre o ocorrido na noite anterior nas Urgências do Hospital do Litoral Alentejano (HLA), em Santiago do Cacém, em que um chefe de equipa afixou um comunicado alertando os utentes para os tempos de espera elevados.
07h00 - quarta, 13/11/2019
ZIL 2 de Sines vai
ter obras de ampliação
A Câmara de Sines acaba de abrir o concurso público para execução da empreitada de expansão nascente da Zona de Indústria Ligeira (ZIL) 2, investimento avaliado em cerca de 1,3 milhões de euros.
07h00 - quarta, 13/11/2019
Limpeza de contentores
do lixo em Santiago
A Câmara de Santiago do Cacém iniciou nesta semana uma nova acção de higienização dos contentores de resíduos urbanos indiferenciados do concelho, num total de 1864 contentores de superfície.

Data: 15/11/2019
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial