07h00 - quarta, 13/06/2018

Bloco quer ter mais
militantes em Odemira

Bloco quer ter mais militantes em Odemira

"Fazer a diferença à Esquerda em Odemira" é o mote que guia a nova comissão coordenadora concelhia de Odemira do Bloco de Esquerda (BE), eleita a 3 de Junho, num momento que marca uma "viragem" na presença do partido no concelho.
"Estas eleições são um marco histórico no BE em Odemira. Vamos continuar o trabalho que tem vindo a ser feito no concelho, agora com uma estrutura organizada de forma diferente que vai continuar a intervir, cada vez mais, sobre os temas do nosso concelho", afiança ao "SW" Pedro Gonçalves, um dos membros da recém-eleita comissão coordenadora do Bloco em Odemira, que sucede ao Núcleo de Odemira do BE, criado em 2001.
A seu lado surgem Alexandre Coutinho, Ana Loureiro, Fernanda Marques Pinto, Vasco Gaspar, Fátima Teixeira e Ventura Ramalho.
Entre os objectivos definidos por esta equipa está a captação de novos militantes. "Nota-se que as pessoas estão connosco, que estão disponíveis para participar, mas falta-lhes dar aquele passo de se aproximarem. E essa é uma das nossas batalhas, nomeadamente junto da juventude, onde tem havido pouca participação. Esse será um dos nossos 'cavalos de batalha'", revela Pedro Gonçalves.
Já no plano da intervenção política, este dirigente adianta que o BE continuará empenhado na luta contra a prospecção de petróleo na costa alentejana por parte do consórcio ENI/ GALP.
Paralelamente, continua Pedro Gonçalves, os bloquistas vão também tentar colocar na ordem do dia mais duas matérias: "A questão do canil/ gatil intermunicipal em Santiago do Cacém, em que o BE está claramente contra a criação dessa infra-estrutura. E depois a questão da utilização do glifosato, pois há que fazer com que os municípios abandonem definitivamente este produto", conclui.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 18/01/2019
Autarca de Odemira esperava mais
da transferência de competências
O presidente da Câmara de Odemira elogia a transferência de competências do Estado para os municípios, mas não deixa de criticar a forma como o processo foi concebido, admitindo mesmo que o actual figurino lhe "sabe a pouco".
07h00 - sexta, 18/01/2019
CM Odemira vai aceitar novas competências
Praias, jogos de fortuna ou azar, justiça, associações de bombeiros, habitação, estruturas de atendimento aos cidadãos, vias de comunicação, património imobiliário público sem utilização e estacionamento público: estas matérias vão passar para a responsabilidade da Câmara de Odemira, que vai aceitar a transferência de competências proposta pelo Governo para estas nove áreas.
07h00 - sexta, 18/01/2019
Alojamento Local em debate em Odemira
O alojamento local vai estar em debate nesta sexta-feira, 18, a partir das 14h30, no auditório da Biblioteca Municipal de Odemira, numa sessão promovida pela autarquia local.
07h00 - sexta, 18/01/2019
Alojamento Local cresce
no concelho de Odemira
A actividade turística é cada vez mais preponderante na economia local do concelho de Odemira e isso não se reflecte apenas no aumento de visitantes no território, mas também o número de unidades de alojamento tem crescido no concelho, com destaque para o Alojamento Local, que em cinco anos passou de cerca de 60 unidades para as actuais 520.
07h00 - sexta, 18/01/2019
Música e teatro pelo
projecto "GiraMundo"
O projecto "Giramundo", dinamizado pela TAIPA, apresenta nas próximas duas sextas-feiras dois espectáculos, um de música e outro de teatro.

Data: 18/01/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial