07h00 - sexta, 10/03/2023

"Odemirense é um símbolo respeitado"

"Odemirense é um símbolo respeitado"

Em entrevista ao "SW", a presidente do Odemirense, Inês Correia, passa em revista 100 anos de história do clube, garantindo que o emblema quer ser, cada vez mais, "um clube respeitado por todos, com uma maior massa associativa e que cada vez leve mais longe o nome da vila de Odemira". "O clube está em crescimento a nível organizacional e cada vez mais dinâmico", afiança.

100 Anos de Sport Clube Odemirense são…
100 anos de glória e de muita história que enche de orgulho todos os odemirenses. É um dos marcos mais importantes na vida de uma coletividade!

Como descreve o momento atual do Odemirense, nesta altura que o clube celebra 100 anos?
O Sport Clube Odemirense vive atualmente momentos de muita alegria e união de todos os que fazem ou já fizeram parte da história do clube. A prova disso foi o dia do seu aniversário [1 de março de 2023]. O clube está em crescimento a nível organizacional e cada vez mais dinâmico. Conta com mais de 200 atletas e está cada vez mais inclusivo e junto da comunidade.

Sente que o clube é hoje um "símbolo" de Odemira e motivo de orgulho para os odemirenses?
Sem dúvida! O Odemirense é um símbolo respeitado e um motivo de orgulho para todos nós!

Nos últimos anos o Odemirense tem tido várias equipas da formação a disputar os nacionais. Há condições para isso voltar a acontecer, mas com os seniores, no curto prazo?
O nosso foco tem sido a formação. Este ano voltamos a ter os escalões todos e até duas equipas no escalão de Benjamins e a representatividade no nacional pelo escalão de Iniciados. Para nós este é o futuro e o caminho a seguir: contribuir para o crescimento humano e desportivo dos mais jovens e proporcionar experiências únicas no mundo futebolístico. Esta época, mesmo que ainda não tenha terminado, para mim é uma época de muito sucesso, com equipas equilibradas e competitivas no futebol 9 e 11, e com um crescimento fantástico nos outros escalões de formação.

Mas quanto aos seniores…
Quanto ao escalão sénior voltar a disputar campeonatos nacionais, muito francamente nem sei bem o que dizer… Os custos de um escalão destes num campeonato nacional são elevadíssimos para a nossa realidade, desde taxas de jogo, a deslocações, etc. Claro que tentamos ter sempre equipas competitivas e trabalhamos sempre para fazer o melhor possível, mas não vejo com bons olhos o futuro do futebol distrital a nível sénior num campeonato a 12 equipas, que está a obrigar os clubes a terem equipas mais competitivas e, com a falta de jogadores que há e como não há limite aos estrageiros, recorre-se cada vez mais a estes jogadores, em que os processos e valores de inscrições não são muito adequados à nossa realidade. É um modelo que aumenta o investimento com pouco retorno, não defende o jogador de formação nem o jogador alentejano e, por isso, já vemos clubes apenas só com um ou outro jogador da terra… Consequentemente, há cada vez mais equipas no Inatel e na 2ª divisão distrital. Mas obviamente que temos ambição e vamos trabalhar para que, época após época, o Odemirense volte a discutir títulos.

A aposta na formação tem sido evidente nas últimas época. É para continuar?
Essa aposta tem sido sempre dos nossos principais objetivos e esse trabalho tem sido notório. É para continuar e nos dotarmos cada vez mais de pessoas competentes e com formação ou curso na área, manter coordenador(es) de formação e investir cada vez mais na certificação enquanto escola de futebol.

A par do futebol, o Odemirense tem também uma secção de pool português. Não pensam em ter mais modalidades?
O Odemirense pretende ser um clube cada vez mais inclusivo para todos, daí o nosso slogan ser "Somos Todos Odemirense"! Antes da Covid-19, o Odemirense estava a apostar noutras modalidades, como o pool português, setas, voleibol, boccia e futsal adaptado. Esta época, conseguimos manter o pool português e as setas, retomar o futsal adaptado e pretendemos, em setembro, retomar o boccia, assim como o voleibol. E esta semana iremos iniciar treinos para a modalidade de basquetebol.

Que projetos/ investimentos tem o clube no horizonte?
Os projetos/investimentos prendem-se sempre, como tem vindo a acontecer nos últimos anos, no crescimento do clube a nível organizacional, de forma a promover as melhores condições possíveis a nível de recursos humanos e infraestruturas. Dado o aumento do volume de atletas, já tentámos, através de um "Orçamento Participativo", melhorar os campos das escolas junto ao Complexo Desportivo, através de parcerias, para que os nossos atletas tenham melhores condições de treino e haja mais condições para outras modalidades. Vamos continuar a apresentar projetos e a lutar, no sentido do melhor para os nossos atletas.

Onde vê o Odemirense daqui a 100 anos?
Espero que se mantenha e que seja cada vez mais um clube respeitado por todos, com uma maior massa associativa e que cada vez leve mais longe o nome da vila de Odemira.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - segunda, 15/04/2024
Praia de Milfontes
sobe ao quarto lugar
do campeonato
O Praia de Milfontes subiu ao quarto lugar do campeonato distrital da 1ª divisão de Beja, depois de ter ganho na tarde deste domingo, 14, em Aljustrel.
07h00 - sábado, 13/04/2024
Troféu de ciclismo
José Poeira no
concelho de Odemira
O concelho de Odemira recebe neste fim de semana, dias 13 e 14 de abril, a nona edição do Troféu de Ciclismo José Poeira, que engloba duas etapas das taças de Portugal de Juniores e de Paraciclismo.
07h00 - sexta, 12/04/2024
Apreendidos quase
50 quilos de crustáceos
na Costa Vicentina
O Instituto da Conservação da Natureza e Florestas (ICNF) apreendeu 49,7 quilos de crustáceos e levantou sete autos de notícia em operações de fiscalização a mariscadores no Parque Natural da Costa Vicentina.
07h00 - terça, 09/04/2024
Património imaterial de Odemira
promovido em curtas-metragens
Promover o património imaterial do concelho de Odemira, através da realização de um conjunto de cinco curtas-metragens de animação, é o grande objetivo do projeto "MIRACONTOS", que a associação Os Piscos está a dinamizar.
07h00 - terça, 09/04/2024
Praia de Milfontes
vai a Albernoa nas
"meias" da Taça
O Praia de Milfontes vai deslocar-se ao campo do FC Albernoense nas meias-finais da Taça do Distrito de Beja, agendadas para as 16h00 de dia 5 de maio (domingo).

Data: 05/04/2024
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial