07h00 - terça, 21/05/2024

Comissão de Utentes do Concelho
de Odemira apresenta propostas

Comissão de Utentes do Concelho de Odemira apresenta propostas

A construção "urgente" da nova Extensão de Saúde de Vila Nova de Milfontes e a reabertura da Extensão de Saúde de Luzianes-Gare foram duas das propostas apresentadas pela Comissão de Utentes dos Serviços Públicos do Concelho de Odemira (CUSPCO) no Fórum da Saúde, que se realizou no sábado, 18.
Na iniciativa foi promovida pela Assembleia Municipal de Odemira, a CUSPCO apresentou alguns problemas sentidos no concelho ao nível da saúde, considerando que este setor "está a passar um mau momento".
"Os odemirenses estão confrontados com dificuldades de acesso aos cuidados de saúde", afirma a Comissão de Utentes em comunicado enviado ao "SW".
Como exemplos são apontados o facto de "há mais de 20 anos" ser esperada uma nova Extensão de Saúde em Vila Nova de Milfontes e de 30% dos 9.000 utentes da freguesia de São Teotónio não terem médico de família.
A CUSPCO observa ainda, entre outras notas, que em Luzianes-Gare "há mais de 10 anos" que a Extensão de Saúde foi encerrada e que "as obras prometidas em novembro de 2023 e muito aguardadas na Extensão de Saúde de Almograve ainda não iniciaram".
A par disso, acrescenta "os Balcões SNS 24 (Teleconsulta) instalados em Bicos e Luzianes-Gare, não resolvem o problema das extensões de saúde encerradas, até pelo contrário, agrava ainda mais a precariedade do Serviço Nacional de Saúde".
Tudo isto leva o CUSPCO a propor, para o concelho de Odemira, a "construção urgente da nova Extensão de Saúde de Vila Nova de Milfontes" e o alargamento do horário da atual resposta, assim como a "reabertura da Extensão de Saúde de Luzianes-Gare" e a "colocação de médico de família nas diversas Extensões de Saúde, com a periodicidade de, no mínimo, uma vez por semana".
Para o território do Alentejo Litoral, a Comissão de Utentes defende a contratação de profissionais de saúde, a adoção de medidas que atraiam médicos, enfermeiros, entre outros profissionais, "em número suficiente, para as necessidades existentes, bem como a valorização salarial e das carreiras".
A CUSPCO propõe igualmente, entre outras medidas, a abertura de concursos para ocupação de vagas de Assistente Graduado Sénior para o Hospital do Litoral Alentejano (HLA), a atribuição de médico de família "a todos os utentes" e a construção de uma maternidade no HLA.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - quarta, 19/06/2024
Dia do Porto de
Sines com atividades
para a comunidade
O Porto de Sines vai estar de portas abertas nesta quarta-feira, 19, com um programa que inclui passeios marítimos, visita ao Laboratório de Ciências do Mar, batismos de stand up paddle, mergulho e street basket.
07h00 - terça, 18/06/2024
'Layoff' na Indorama
em Sines renovado
por mais seis meses
O Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Transformadoras, Energia e Atividades do Ambiente do Sul (SITE-Sul) está preocupado com a situação dos trabalhadores da fábrica de Sines da Indorama Ventures, que renovou o layoff por mais seis meses.
07h00 - quinta, 13/06/2024
Arraiais populares
vão "encher" centro
da cidade de Sines
Recuperar "a tradição" dos arraiais comemorativos dos santos populares é o grande objetivo da feira "Arraial Popular", que a Câmara de Sines promove a partir desta quinta-feira, 13, no castelo e nas ruas do centro histórico da cidade.
07h00 - quarta, 12/06/2024
Rede de oleões
renovada no
concelho de Sines
A empresa intermunicipal Ambilital procedeu, no início do ano, à substituição dos 12 recipientes de recolha de óleos alimentares usados (oleões) existentes na via pública em Sines e Porto Covo.
07h00 - terça, 11/06/2024
Concessão do
Porto de Recreio de
Sines em concurso
A Administração dos Portos de Sines e do Algarve (APS) tem a decorrer, até 22 de junho, o concurso público para a concessão do Porto de Recreio de Sines, por um período de 20 anos, renovável por dois períodos adicionais de cinco anos.

Data: 14/06/2024
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial