15h34 - quarta, 22/12/2021

Que a vergonha sirva de exemplo!


Carlos Pinto
Depois das condenações de julho de 2020, alguns dos militares da GNR que serviam no Posto de Vila Nova de Milfontes voltam a estar nas "luzes da ribalta"… infelizmente, pelos piores motivos!
Tal como lhe damos a conhecer nas páginas ao lado, a notícia divulgada no final da passada semana pela CNN/TVI veio colocar na esfera pública as suspeitas do Ministério Público de Odemira, que acusa um total de sete militares da Guarda de 33 crimes cometidos entre setembro de 2018 e março de 2019, entre os quais os de abuso de poder, sequestro e ofensa à integridade física qualificada, todos eles cometidos sobre a população imigrante que trabalha no concelho de Odemira.
Estas acusações, por si só, constituem um verdadeiro vexame para Portugal enquanto Estado soberano e de direito, mas também para todos os portugueses que encaram as forças de segurança como um reduto intransponível de defesa dos direitos de cada um dos cidadãos, tenham eles nascido ou não no nosso país.
O que aqueles militares terão feito (e filmado entre risadas, o que ainda é mais abjeto) não representa minimamente os valores da GNR que são seguidos pela maioria do seu efetivo. Mas as acusações de que agora são alvo, a confirmarem-se, devem servir de mote para mudanças profundas na forma como esta instituição está organizada e, sobretudo, como faz o recrutamento dos seus elementos.
A GNR é muito mais e melhor do que aquilo que estes alegados crimes demonstram. Mas agora, o que se exige é que esta vergonha sirva de exemplo para evitar problemas do género no futuro.

2. Esta é a última edição do "SW" em 2021, sendo que o próximo ano promete enormes desafios a que todos temos de dar resposta, com as eleições e o combate à pandemia "no topo" das atenções. Até lá, votos de Boas Festas a todos e a certeza de que cá estaremos para dar conta do que for sucedendo no ano que está para vir.



COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - sexta, 21/01/2022
Comércio de Odemira movimentou
cerca de 210 mil euros no Natal
O comércio local de Odemira movimentou "cerca" de 210 mil euros durante o Natal de 2021, revelam os números apurados no âmbito da campanha "Natal é no Comércio Local", dinamizada anualmente pela Câmara Municipal local.
07h00 - sexta, 21/01/2022
Sines recebe
Taça Hugo dos Santos
em basquetebol
Benfica, Sporting, FC Porto e Oliveirense são as quatro equipas que participam neste fim-de-semana, 22 e 23 de janeiro, na 13ª edição da Taça Hugo dos Santos em basquetebol, que volta a decorrer no Pavilhão Multiusos de Sines.
07h00 - sexta, 21/01/2022
Exposições para
ver na Biblioteca
de Grândola
A sala polivalente da Biblioteca e Arquivo do Município de Grândola têm patente, até 30 de janeiro, as obras apresentadas na segunda edição do "Sobr'Arte – Concurso de Obras Escultóricas".
07h00 - quarta, 19/01/2022
AdSA promove
formação para os
seus colaboradores
A empresa Águas de Santo André (AdSA), com sede em Vila Nova de Santo André (Santiago do Cacém), promoveu nesta terça-feira, 18, uma ação de formação para os seus colaboradores.
07h00 - quarta, 19/01/2022
Autarca de Odemira aponta desafios
regionais e nacionais para 2022
O presidente da Câmara de Odemira espera que 2022 seja "um bom ano" a nível regional, devido à "construção" do novo programa operacional que vai suceder ao Alentejo 2020, atualmente em vigor.

Data: 14/01/2022
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial