15h12 - quinta, 24/11/2022

Um crime à vista de todos


Carlos Pinto
Uma megaoperação policial realizada na manhã desta quarta-feira, 23, na vila de Cuba, liderada pela Unidade Nacional Contra Terrorismo da Polícia Judiciária (PJ) no âmbito de um inquérito titulado pelo Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Lisboa, permitiu a detenção de 35 suspeitos "fortemente indiciados" pela prática de crimes de associação criminosa, tráfico de pessoas, branqueamento de capitais e falsificação de documentos, entre outros crimes.
Em causa está, segundo a própria PJ, o facto de os detidos alegadamente integrarem "uma estrutura criminosa dedicada à exploração do trabalho de cidadãos imigrantes", na sua maioria "aliciados nos seus países de origem, tais como, Roménia, Moldávia, Índia, Senegal, Paquistão, Marrocos, Argélia, entre outros, para virem trabalhar em explorações agrícolas" na região.
O caso irá agora seguir o seu caminho na justiça, mas todo o aparato envolvido teve o "condão" de colocar a nu, mais uma vez, um problema (e um crime) que há muito está à vista de todos: o tráfico de pessoas para trabalharem nos campos do Alentejo, seja nos olivais do interior ao lado do Alqueva, seja nas estufas mais a litoral.
É certo que não se pode tomar a árvore pela floresta e que são muitos os bons exemplos de legalidade e integração deste tipo de trabalhadores. Mas os indícios de que a chegada de centenas destes imigrantes ao nosso território também está associada a um crime são por demais evidentes e (re)conhecidos. Que esta operação em Cuba seja, portanto, mais uma machadada neste tipo de procedimentos e o início do fim de uma situação que é uma verdadeira ignomínia para todos nós.

2. Na página 11 desta edição do "SW" apresentamos-lhe uma entrevista com o jovem Matias Baço, atleta do Núcleo de Bodyboard da Zambujeira do Mar que se sagrou recentemente campeão nacional da modalidade, na categoria de Sub-14. Mas este título foi a menos importante das suas conquistas, pois aos 14 anos foram já muitas as provações que enfrentou. Um exemplo de superação que merece o nosso reconhecimento e admiração. Parabéns Matias!



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado

07h00 - terça, 29/11/2022
Câmara de Alcácer
aprova orçamento
de 38,8ME para 2023
A Câmara de Alcácer do Sal aprovou um orçamento de 38,8 milhões de euros para 2023, mais 6,9 milhões de euros do que o deste ano e onde mantém a aposta na melhoria da qualidade de vida da população.
07h00 - terça, 29/11/2022
Ensino superior já é
realidade em Odemira
"Um passo muito sério para a vida" dos "alunos e para o concelho de Odemira" – é desta forma que o presidente da Câmara de Odemira, Hélder Guerreiro, classifica a chegada do ensino superior ao município do Litoral Alentejano.
07h00 - terça, 29/11/2022
GNR vai ter
novo quartel
em Grândola
A GNR de Grândola vai ter um novo quartel, depois da Câmara Municipal ter aprovado, na passada semana, um protocolo de colaboração com o Ministério da Administração Interna visando a construção do novo equipamento em terrenos municipais.
07h00 - segunda, 28/11/2022
Câmara de Odemira atribui
178 mil euros aos clubes desportivos
A Câmara de Odemira vai atribuir um total de 178.
07h00 - segunda, 28/11/2022
Águas de Santo
André distinguida
pela ERSAR
A empresa Águas de Santo André (AdSA) foi distinguida, na passada semana, pela Entidade Reguladora dos Serviços de Água e Resíduos (ERSAR) com o "Selo de qualidade exemplar de água para consumo humano".

Data: 25/11/2022
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial